Quarta, 20 Junho 2018 | Login
De longe, Portugal e Espanha fizeram na tarde desta sexta-feira, 15/06, o melhor jogo entre os quatro já disputados até aqui na Copa da Rússia. Com três gols de Cristiano Ronaldo, os portugueses empataram com a Espanha e 3 a 3
 
 
Jogando nesta sexta-feira, no Estádio Fisht, em Sochi, Portugal e Espanha fizeram uma belíssima partida que terminou empatada em 3 a 3. Apontado como um dos principais jogos da fase de grupos da Copa do Mundo, o clássico ibérico foi de longe, a melhor partida entre as quatro disputadas até aqui no Mundial da Rússia. Com três gols marcados, Cristiano Ronaldo garantiu o empate dos portugueses. Já com dois gols de Diego Costa, brasileiro naturalizado espanhol, a Espanha chegou a virar o jogo em 2 a 1, mas, não evitou o empate.
Cerca de 44 mil pessoas viram o show do CR7. O craque de Portugal e do Real Madrid foi o grande responsável pelo empate de sua seleção diante da forte equipe esmpanhola. Logo aos 4 minutos do primeiro tempo, Cristiano Ronaldo sofreu pênalti, que ele mesmo bateu para abrir o placar.
Os seis gols form marcados por Cristiano Ronaldo, aos 4 (pênalti) e aos 43, Diego Costa, aos 24 minutos do primeiro tempo; Diego Costa, aos 9, Nacho, aos 12, e Cristiano Ronaldo, aos 42 minutos do segundo tempo.
 
Outros jogos da primeira rodada da Copa:
 
Rússia 5 X 0 Arábia Saudita
Uruguai 1 X 0 Egito
Irã 1 X 0 Marrocos
 
Tabela da Copa - Fase de classificação
 
Tabela e classificação:

GRUPO A

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Rússia 0 
2 Uruguai 0 
3 Egito 0 
4 Arábia Saudita 0 
PJVEDGPGCSG% 
3 1 1 0 0 5 0 5 100.0  
3 1 1 0 0 1 0 1 100.0  
0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0  
0 1 0 0 1 0 5 -5 0.0  

GRUPO B

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Irã

0 
2 Espanha 0 
2 Portugal 0 
4 Marrocos 0 
PJVEDGPGCSG% 
3 1 1 0 0 1 0 1 100.0  
1 1 0 1 0 3 3 0 33.3  
1 1 0 1 0 3 3 0 33.3  
0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0  

GRUPO C

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Austrália

0 
1 Dinamarca 0 
1 França 0 
1 Peru 0 
PJVEDGPGCSG%ÚLT. JOGOS
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  

GRUPO D

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Argentina

0 
1 Croácia 0 
1 Islândia 0 
1 Nigéria 0 
PJVEDGPGCSG%ÚLT. JOGOS
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  

GRUPO E

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Brasil

0 
1 Costa Rica 0 
1 Sérvia 0 
1 Suíça 0 
PJVEDGPGCSG%ÚLT. JOGOS
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  

GRUPO F

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Alemanha

0 
1 Coreia do Sul 0 
1 México 0 
1 Suécia 0 
PJVEDGPGCSG%ÚLT. JOGOS
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  

GRUPO G

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Bélgica

0 
1 Inglaterra 0 
1 Panamá 0 
1 Tunísia 0 
PJVEDGPGCSG%ÚLT. JOGOS
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  

GRUPO H

CLASSIFICAÇÃO

 

1

 

Colômbia

0 
1 Japão 0 
1 Polônia 0 
1 Senegal 0 
PJVEDGPGCSG%ÚLT. JOGOS
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
0 0 0 0 0 0 0 0 0.0  
 
 Texto: Olga Liotta
Nesta sexta-feira, dia 15/6, às 18h, o Colegiado Acadêmico para Reflexão de Princípios – Brasil (CARP-Brasil), realizará o 8º Encontro de Universitários, em São Paulo, no Espaço Horizon, localizado na Rua Lisboa, 904, Pinheiros. O evento contará com a participação especial do palestrante Dr. Marcos Eberlin, químico brasileiro, cientista e professor do Instituto de Química da Universidade Estadual de Campinas, que fará uma palestra sobre o tema “Design Inteligente”.
Na ocasião, será realizada uma mesa redonda onde será debatida pelo palestrante e outros convidados a criação do ser humano do ponto de vista da ciência, religião, política, entre outras áreas.
O encontro é gratuito e vale como hora extracurricular para acadêmicos. Haverá um Coffee break ao final do evento.
Quem deseja participar bastar fazer a inscrição via e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelos telefones: (11) 95357-1510 ou 95101-8375 (WhatsApp).
Mais informações ligue CARP-Brasil (11) 3208-5385.
Serviço
8º Encontro de Universitários – presença do cientista Dr. Marcos Eberlin
Data: 15/06
Horário: 18h
Local: Espaço Horizon, localizado na Rua Lisboa, 904, Pinheiros, São Paulo
Entrada: franca
Haverá Coffee break ao final do evento

Por Renato Ferreira - 

 

É incrível mesmo o papel da militância política, quando o assunto envolve política e futebol em época da Copa do Mundo. Para não torcerem para o governo de plantão, parte da militância de oposição acaba perdendo até mesmo a paixão pela Seleção Brasileira.

A julgar por algumas ruas pintadas com as cores da Argentina e postagens nas redes sociais, nesta Copa da Rússia, os petistas chegam ao extremo e afirmam que vão torcer para o rival time da Argentina, tudo por causa do governo Temer. Medida que chega a ser grotesca, até porque o Temer, que é bi-vice da Dilma, deveria estar preso ao lado do Lula.

Brasileiros argentinos

Mas, esse negócio de torcer contra a Seleção Brasileira por causa de política não é "privilégio" petista. Também os tucanos torciam contra só para dizer que os petistas usavam o futebol para enganar o povo. O discurso de hoje é o mesmo.

Governos "pé frio"

No entanto, resgatando a história da Política X Futebol, verificamos que os governos petistas - de Lula e Dilma - foram os maiores pé frios. Com eles no Palácio do Planalto, a Seleção Brasileira jamais ganhou uma Copa. E mais: Foi no governo Dilma, na Copa de 2014, que o Brasil passou pelo seu maior vexame dentro decampo ao perder por 7 a 1 para a Alemanha, em pleno Mineirão.

FHC é pé quente

Ruas com as cores do Brasil

Já o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso(PSDB) pode ser considerado pé quente. Com ele na Presidência,o Brasil conquistou dois títulos mundiais.

Durante a História das Copas, o Brasil foi campeão com os governos Juscelino Kubitschek, João Goulart, Ditadura Militar e FHC. Fomos campeões em 1958 (JK), bicampeões em 1962 (Goulart); tricampeões em 1970 (Militares); tetracampeões em 1994 (FHC), e pentacampeões em 2002, último governo do tucano Fernando Henrique Cardoso. (Renato Ferreira)

 
RETIFICAÇÃO
Atualizado às 12h55
Em 1994, quando o Brasil conquistou o tetracampeão nos Estados Unidos, vencendo a Itália nos pênaltis, o Presidente era o Itamar Franco. Naquele ano, FHC foi eleito presidente e tomou posse em janeiro de 2005.

Parece que foi ontem, mas, já se passaram quatro anos da Copa 2014 no Brasil. E tudo já é passado, inclusie, os 7 a 1. Nesta quinta-feira, 14/06, será aberta a Copa do Mundo de 2018 na Rússia.

 

Sem dúvida, a Copa do Mundo de Futebol é o maior evento esportivo do mundo. Ela para os países. Além dos milhões de torcedores que acompanharão os jogos nas 12 arenas russas, outros bilhões de telespectadores de todos os países estarão com os olhos grudados na TV para não perder nenhum lançe no campo.

Depois dos 7 a 1, da Alemanha sobre o Brasil, que calou o Mineirão, a Seleção Brasileira estará mais uma vez (é a única que participou de todos os Mundiais) correndo atrás do hexa campeonato. Agora, treinada por Tite, e com Neymar e cia, a Seleção Brasileira mostra que está confiante e pronta para conquistar mais um título mundial. Na Rússia, se o Brasil não conquistar o hexa, só a Alemanha poderá alcançar o penta do Brasil. A Itália, também tetracampeã, não se classificou para a Copa de 2018.

Na Copa da Rússia, a solenidade de abertura será bem mais curta, em Moscou. Será, com certeza, um belo espetáculo de imagens, música e cultura da Rússia. Mas, amanhâ mesmo, logo após a cerimônia de abertura, a seleção da casa vai abrir o torneio enfrentando a seleção da Arábia Saudita. O atacante brasileiro, Ronaldo Fenômeno, participará da abertura do Mundial. Com problemas de saúde, Pelé, que iria também participar do evento, não viajou para Moscou.

Brasil e Suíça

Brasil

Coutinho, Neymar e Gabriel Jesus são esperança de gols na Copa. Eles foram os autores do três gols contra a Áustria, no último amistoso antes do Mundial

No domingo, 17/06, a Seleção Brasileira estreia no Mundiial jogando contra a Suíça, em Rostov. O jogo Brasil e Suíça começará às 15 horas (horário de Brasília).

Boa sorte Brasil!

Veja, aqui, a caminhada do Brasil:

No sorteio, o Brasil caiu no Grupo E e enfrentará as seleções da Suíça, Costa Rica e Sérvia na primeira fase:

17 de junho (domingo) - BRASIL x SUÍÇA - 15h
22 de junho (sexta-feira) - BRASIL x COSTA RICA - 9h
27 de junho (quarta-feira) - BRASIL x SÉRVIA - 15h

Se passar como 1º do Grupo E: 

2 de julho (segunda-feira) - OITAVAS DE FINAL - 11h
6 de julho (sexta-feira) - QUARTAS DE FINAL - 15h
10 de julho (terça-feira) - SEMIFINAL - 15h
15 de julho (domingo) - FINAL - 12h

Se passar como 2º do Grupo E: 

3 de julho (terça-feira) - OITAVAS DE FINAL - 11h
7 de julho (sábado) - QUARTAS DE FINAL - 11h
11 de julho (quarta-feira) - SEMIFINAL - 15h
15 de julho (domingo) - FINAL - 12h

Caso a Seleção Brasileira perca na semifinal, ela disputará o 3º lugar no dia 14 de julho, sábado, às 11h.

 

Após uma longa batalha judicial, o jornalista da Globo Heraldo Pereira venceu o processo que movia contra o apresentador apresentador Paulo Henrique Amorim, da Record.


Tudo começou quando há alguns anos o apresentador do programa Domingo Espetacular resolveu criticar o colega de profissão durante um texto publicado em seu blog.

Na ocasião, Paulo Henrique Amorim escreveu que o Heraldo Pereira era um “negro de alma branca”.

Também insinuou que o colega não tinha talento e que “não conseguiu revelar nenhum atributo para fazer tanto sucesso, além de ser negro e de origem humilde”.

Após o processo transitar em todas as instâncias, PHA foi julgado pela Primeira Turma do STF, sob relatoria do Ministro do Supremo Tribunal Federal Roberto Barroso, que condenou o apresentador a cumprir 1 ano e 8 meses de a pena. Todos os demais ministros votaram com o relator.

Não havendo mais como recorrer ou mudar sua sentença, o apresentador da Record também terá que pagar uma multa pela injúria racial.

Mesmo condenado, Paulo não irá para a cadeia porque sua condenação concede prisão em regime aberto. (Extraído do jornal O Estado de Minas)

Se os acordos serão cumpridos só o tempo dirá, mas, com certeza, este 12 de outubro de 2018 ficará marcado na História mundial com o encontro pela paz entre Kim Jong-Un e Donald Trump
 
Nesta terça-feira, 12/06, o presidente dos EUA, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-Un, se encontraram em Singapura e assinaram declaração conjunta em busca da paz e do fim do uso de armas nucleares. Com quatro itens, termo foi assinado durante encontro histórico dos líderes dos EUA e Coreia do Norte. SegundoTrump, Kim aceitou o seu convite para visitar a Casa Branca.

Conforme o documento, a Coreia do Norte se comprometeu com o desmonte de todo o seu programa nuclear. Os dois países "decidiram deixar o passado para trás" e "o mundo verá uma grande mudança", declarou Kim. Na presença de autoridades dos dois paíes, Kim Jong-Um e Donald Trump assinaram assinaram uma declaração de quatro itens no encontro em Singapura.

Esse engajamento pela paz da Coreia do Norte com o fim da produção de armas nucleares era uma condição imposta pelos EUA para a realização da histórica reunião entre os dois líderes. Resta saber, agora, se o ditador Kin cumprirá os acordos assinados em Singapra. A Coreia do Sul não gostou muito dos acordos assinados sem a presença de autoridades sul coreanas. Na prática, os dois países da península coreana continuam em guerra.

 

Guilherme Boulos diz que se vencer as eleições, vai aumentar impostos para os ricos e derrubar medidas de Temer, como a reforma trabalhista

 

Nesta terça-feira, 12/06, o pré-candidato à Presidência da República pelo PSOL, Guilherme Boulos, esteve em Osasco, na região Oeste da Grande São Paulo, onde participou do Ciclo de Entrevistas – Eleições 2018. O evento é uma realização do Jornal Diário da Região em conjunto com a AmeCom(Associação Metropolitana de Comunicação) e ADJORI-SP (Associação dos Jornais do Interior do Estado de São Paulo).

Durante a coletiva, Boulos não apresentou novidades em relação ao que vem pregando em termos de propostas, caso seja eleito presidente da República nas eleições de outubro. O pré-candidato do PSOL reiterou que se chegar ao Palácio do Planalto, uma de suas primeiras medidas será convocar um plebiscito para revogar as medidas tomadas pelo governo de Michel Temer, como a reforma trabalhista.

Guilherme Boulos disse também que é a favor do financiamento público de campanha e que vai propor uma reforma tributária para aumentar os impostos dos ricos e diminuir a carga tributária para os brasileiros mais pobres. "Mas, não basta apenas o financiamento público para acabar com os problemas da corrupção no Brasil. Temos que mudar o sistema político, separando o público do privado. Caso eu seja eleito, convocarei um plebiscito para revogar todas as medidas tomadas pelo governo golpista de Temer, principalmente, essa reforma trabalhista, um verdadeiro retrocesso para os trabalhadores brasileiros", disse o pré-candidato.

Mesmo sendo uma das principais lideranças da esquerda, Guilherme Boulos não se considera um candidato das esquerdas e nem mesmo um plano B do Partido dos Trabalhadores. "A nossa candidatura não depende de outras. Primeiro, acho legítima a candidatura do Lula. Ele foi preso sem provas e o Judiciário não pode impedir que ele seja candidato. Então, o PT tem as suas propostas e a nossa candidatura representa um novo projeto do PSOL e é isso que estamos levando a toda a população do país, participando de debates, entrevistas e palestras em Universidades".

Fundador e coordenador do MTST (Movimento dos Trabalhadores sem Teto), Guilherme Boulos, negou que o MTST promova e cobre aluguel dos sem teto. Ele criticou ainda os rumos tomados pelo programa Minha Casa, Minha Vida. "As pessoas invadem os prédios, não porque elas querem e, sim, porque elas não têm outra opção oferecida pelo governo. Quanto ao Minha Casa, Minha Vida, ele teve o seu mérito em apresentar recursos para moradias populares, que o brasileiro não tinha desde os anos 1980 pelo BNH. Só que esses recursos foram repassados para as construturas sem um planejamento, por isso, elas construíram as casas em locais que não atendiam à demanda e nem as necessidades das pessoas. Isso tem que ser modificado e vamos mudar", afirmou Boulos. (Renato Ferreira)

 
O Fundo Social de Solidariedade de Osasco recebeu na quarta-feira, 06/06, 50 cadeiras de rodas doadas pelo Rotary Club da cidade. A entrega foi feita pelo presidente da entidade, José Antônio Tavares dos Reis, à primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Aline Lins. O diretor internacional, José Antônio Figueiredo Antiório, e demais representantes do Rotary também participaram do ato, no auditório do Fundo Social.
A cerimônia de anúncio da doação ocorreu no dia 23 de maio, na sede do Rotary, na Vila Campesina, com as presenças da primeira-dama e do prefeito Rogério Lins. Outras 50 cadeiras foram direcionadas à AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente).
FSS Cadeiras de roda 2 
Na ocasião, Aline Lins agradeceu e elogiou a iniciativa. “Este gesto de solidariedade é muito significativo e precisa ser elogiado, pois ajuda muito a quem precisa”.
 As cadeiras são entregues às famílias cadastradas no Fundo Social. Para ter direito ao benefício, é preciso se cadastrar, apresentar receita médica da rede pública com a solicitação, RG, CPF, comprovante de residência e carteira profissional de todos os residentes do endereço. Após o cadastro, é feita visita domiciliar de um assistente social.
O Rotary Club é uma organização que reúne cerca de 1,2 milhão de empresários, profissionais liberais e líderes comunitários. Os sócios, conhecidos como rotarianos, prestam serviços humanitários e defendem as ações voltadas à paz mundial.
Há mais de 33 mil rotarys em mais de 200 países e áreas geográficas, os quais constituem entidades apolíticas, não religiosas e abertas a pessoas de todas as culturas, raças e credos.
Os rotarianos desenvolvem projetos comunitários, que visam tratar de assuntos atuais relacionados a questões como crianças em situação de risco, pobreza, fome, preservação do meio ambiente, analfabetismo e violência. (Texto: Marco Borba - Imagem: Ana Paula Andrade - Secom/PMO)

Dentre outras obras, Márcio França anunciou recursos para a revitalização do Parque dos Paturis, asfaltamento, retomada das obras de ampliação do Corredor Oeste e para o programa de Alistamento Civil

Neste último domingo, 10/06, o governador Márcio França (PSB), esteve em Carapicuíba, onde, ao lado do prefeito Marcos Neves e de outras autoridades, anunciou o maior pacote de obras públicas da cidade. Dentre outras obras, está a revitalização do Parque dos Paturis, que compreende uma área de mais de 189 mil m², na divisa com a cidade de Osasco. O projeto de revitalização do Parque dos Paturis inclui cercamento, câmeras de videomonitoramento, nova pista de caminhada, ciclovia, campo de grama sintética, reforma da pista de skate, novos banheiros e salas de administração.

Carapicuiba 2Para as obras de revitalização do Parque dos Paturis, o governador anunciou a liberação de R$ 3,4 milhões,  além de outros R$ 6,8 milhões para construção de um Terminal Metropolitano na Cidade. Na ocasião, França anunciou também a liberação de R$ 43,7 milhões para melhorias no asfaltamento de ruas e avenidas da Carapicuíba.


Corredor Oeste

Na ocasião, o governador Márcio França anunciou ainda outras obras do governo do Estadual no sistema viário da região Oeste da Grande São Paulo. Trata-se da retomada das obras no Lote 04 do Corredor Itapevi-Osasco, da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), empresa ligada à Secretaria dos Transportes Metropolitanos. O serviço custará R$ 45,2 milhões evai gerar 150 empregos na região. Segundo o Governador, as obras serão concluídas em 18 meses. 


Com 2,2 km de extensão, o novo trecho do corredor Itapevi-Osasco terá duas estações de embarque e desembarque, um terminal de ônibus e dois viadutos. Os novos equipamentos trarão mais eficiência, qualidade e segurança ao transporte coletivo na Grande São Paulo, além de redução no tempo gasto pelos usuários durante os deslocamentos.


“Quero fazer parceria com os prefeitos. Quando a gente coloca o dinheiro na mão do prefeito a obra sai mais rápida, sai melhor e sai mais barata porque o prefeito é cobrado todo dia, na porta da casa dele. Então, dinheiro bom é dinheiro na mão de prefeito. Quem me ensinou isso foi Mário Covas”, resumiu Márcio França.

“Já fizemos convênios com 400 cidades para todo mundo receber recurso para pavimentação. Não interessa qual é o partido porque as pessoas estão acima dos partidos”, completou o governador.

Alistamento Civil

Durante sua visita a Carapicuíba, Márcio França também falou sobre o Alistamento Civil e adiantou que em, “no máximo dois meses”, Carapicuíba terá mil jovens alistados no programa, com rendimento de R$ 500,00 por mês. A contrapartida desses adolescentes será a prestação de serviços de utilidade pública por quatro horas ao dia sob a coordenação e orientação de um policial militar. Os jovens também terão a obrigação de voltar a estudar no Ensino Médio, onde aprenderão uma profissão.


“Quero ver se nós não vamos vencer a violência. Já temos 230 mil presos em São Paulo. Então, temos é de dar a oportunidade para as pessoas. Dá a chance e que os jovens agarrem essa oportunidade. Vamos ter de 80 a 100 mil meninos no programa de Alistamento Civil”, explicou Márcio França. Além de Márcio França e do prefeito Marcos Neves, estiveram também em Carapicuíba, vereadores da região, prefeitos, e deputados Federais como a Renata Abreu, presidente nacional do Podemos.

Confira, aqui, a fala do governador em Carapicuíba: https://www.facebook.com/orenatoferreira/posts/1746255602131339

 
Com gols de Gabriel Jesus, Neymar e Philippe Coutinho, Brasil vence a Áustria por 3 a 0, em Viena
 
 
Em seu último amistoso antes de estrear na Copa do Mundo da Rússia, o Brasil venceu neste domingo, 10/06, a Áustria por 3 a 0, em Viena, com gols de Gabriel Jesus, Neymar e Philippe Coutinho. E além de vencer, a Seleção de Tite convenceu e mostrou que está preparada para disputar o Mundial. O jogo foi realizado no Estádio Ernst Happel.
 
Brasil e Áustria Neymar 
 
Ainda hoje mesmo, o Brasil viaja para Sochi, base da Seleção durante a Copa do Mundo da Rússia. No próximo domingo, 17/06, às 15 horas (de Brasília), a Seleção estreia na Copa diante da Suiça, em Rostov. .
O Jogo
O jogo não foi fácil, principalmente, nos primeiros minutos. Porém, com paciência, o Brasil manteve maior posse de bola e foi aos poucos procurando as alternativas para tentar furar a defesa austríaca, que foi um excelente teste para o time brasileiro. Os austríacos chegaram, inclusive, a preocupar a comissão técnica com entradas violentas, principalmente, no atacante Neymar.
Mas, a resistência austríaca não durou muito tempo. Aos 34 minutos do primeiro tempo, o Brasil abriu o placar. Após cobrança de escanteio pela direita, Marcelo pegou a sobra de fora da área e chutou. forte. A bola desviou na defesa e sobrou para Gabriel Jesus na esquerda. E em posição duvidosa, ele finalizou com categoria tirando a bola do goleiro Lindner.
Na segunda etapa, aos 17 minutos, Neymar deixou a sua marca. Willian recebeu pela direita e, com categoria, lançou para Neymar na esquerda. O camisa 10 do Brasil dominou com tranquilidade, deu um drible desconcertante em Dragovic, que ficou no chão, e fuzilou para o gol.
Em desvantagem e já batida em campo, a Áustria já não conseguia mais parar os brasileiros. E, aos 23 minutos, o Brasill fez o seu terceiro gol. Em jogada pela esquerda, Roberto Firmino, que substituiu Gabriel Jesus, tabelou com Philippe Coutinho. A bola sobrou livre para o meia que chutou forte para fazer 3 a 0.
 
Nos minutos finais, Tite aproveitou para realizar alterações e dar ritmo de jogo a alguns reservas, entre eles Douglas Costa, que substituiu Neymar. A Seleção Brasileira ainda teve chances para marcar o quarto gol, por exemplo, com Firmino em duas oportunidades.
O time que iniciou o amisoso contra a Áustria deverá ser o mesmo da estreia contra a Suiça: Alisson; Danilo, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho, Philippe Coutinho e Willian; Neymar e Gabriel Jesus.

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.