Segunda, 09 Dezembro 2019 | Login

 

Na última quarta-feira, 04/12, o prefeito de Osasco, Rogério Lins, reuniu-se com o secretário de Habitação do Estado, Flávio Amary, na sede da Pasta, em São Paulo, para reivindicar mais moradias populares para Osasco. Na ocasião, o prefeito tratou do trâmite de demandas da cidade para o setor habitacional já apresentadas em encontros anteriores, entre as quais a regularização de loteamentos em áreas de assentamento social e a construção de mil moradias.

As unidades deverão ser construídas pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) para abrigar famílias que moram às margens do Riberião Vermelho, no Jardim D’Ávila, da comunidade Portelinha, na Vila São José, Área BT, e Movimento Raio de Luz, ambas do Jardim Padroeira.

O secretário de Estado ficou de analisar as reivindicações e atuar para que as mesmas sejam atendidas.

“Com a viabilização dessas demandas, centenas de famílias receberão o título de regularização fundiária e futuramente novas famílias poderão contar com uma moradia mais digna”, disse o prefeito, que participou da reunião acompanhado do secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano do município, Cláudio Monteiro. (Fonte: Secom/PMO - Imagens: Amanda Bracho)

Published in Cidade
Desde 2005, com a vitória de Emídio na onda vermelha, o Executivo osasquense nunca perdeu seu vínculo com a cúpula petista. As fotos mostram os fatos. Veja no final do texto.
 
Com certeza, nenhuma outra grande cidade brasileira tem tanta ligação com o Partido dos Trabalhadores como Osasco, na Grande São Paulo. Isto porque, a cidade, com aproximadamente 800 mil habitantes, jamais perdeu o DNA petista desde 2005, quando o então vereador, Emídio de Souza tomou posse em seu primeiro mandato. Era o primeiro governo petista na cidade, que até aquele ano sempre fora governada por prefeitos de outros partidos como MDB, PTB e PSDB.
E essa ligação de Osasco com o PT vem de longa data, mas, ficava apenas na área sindical por meio das greves comandadas por Lula. Com grandes indústrias e forte atividade sindicalista, essa ligação acabou refletindo no Poder Legislativo com a eleição de diversos vereadores petistas desde os anos 1980 até a eleição de 2016, quando a Câmara Municipal acabou ficando sem representante do partido.
No Executivo, apesar de várias tentativas, o PT só chegou a poder em 2005, com a vitória do Emídio, eleito na onda vermelha que já havia levado Lula à Presidência da República, em 2002. Nessa mesma onda, Lula foi reeleito em 2006, elegeu Dilma Rousseff em 2010 e a reelegeu em 2014.
Mas, já sob forte pressão popular desde os escândalos do mensalão e depois do petrolão e ainda os processos e prisões da Lava Jato, Dilma acabou sofrendo impeachment em 2015 e o PT começou a cair em desgraça. Assim, em 2016, os candidatos a vereadores pelo PT acabaram também sendo derrotados em Osasco.
Mas, ao contrário do Legislativo que ficou sem vereadores petistas, o Executivo osasquense nunca perdeu o DNA petista. Para isso, basta analisar os candidatos eleitos e o grupo que permaneceu orbitando junto à Prefeitura desde o primeiro mandato do Emídio, seja na chefia do Executivo, como também nos primeiro, segundo e terceiro escalões da administração municipal.
João Paulo e Emídio
Em Osasco, como todos sabem, o ex-deputado João Paulo Cunha sempre foi a maior liderança petista. Foi pela força de João Paulo que a Câmara sempre manteve uma bancada de 2 ou 3 vereadores, como também pela sua liderança que o partido chegou à Prefeitura em 2005.
Mas, desde que foi eleito prefeito pela primeira vez, o atual deputado Estadual, Emídio de Souza vem rivalizando com João Paulo. Essa rivalidade ficou ainda mais escancarada após a condenação de João Paulo no processo do mensalão. Preso em Brasília, João Paulo foi, praticamente, abandonado por Emídio e por Jorge Lapas.
A mágoa de João Paulo é tanta que, após a sua liberdade, ele disse a este jornalista que jamais esqueceria o desprezo de Emídio e de Jorge Lapa. JP alega que na prisão em Brasília, recebeu telefonema de seus "adversários" políticos de Osasco, como Celso Giglio, e a visita de Francisco Rossi. "Do Emídio e do Lapas nenhum telefonema", afirmou João Paulo. Durante a campanha de Dilma Rousseff, João Paulo foi também ignorado num comício em Osasco. Porém, mesmo com a ascensão política de Emídio, João Paulo continua sendo o maior nome petista da região.
E, mesmo com os escândalos envolvendo as principais lideranças do PT, uma coisa é certa. Depois dos dois mandatos do Emídio, a marca petista foi plantada e ficou enraizada no Executivo osasquense. Tanto é assim, que Emídio de Souza elegeu o seu sucessor Jorge Lapas, que teve também total apoio do ex-presidente e da então presidente Dilma Rousseff.
 
Lapas, Lins e o PT
Na eleição de 2016, quando surgiu a candidatura do até então desconhecido vereador Rogério Lins (Podemos, antigo PTN), as relações de Jorge Lapas com o PT já não estavam como antes. Isso acabou com a saída de Lapara que foi para o PDT, fato que acabou dividindo mais ainda o o PT na cidade.
Já no PDT, Lapas e seu grupo não mediam forças para criticar o adversário Lins, que era chamado de moleque. E, sem saída, o PT também criticava o adversário de Lapas. A campanha ficou ainda mais acirrada e de baixo nível, quando Lins conseguiu o apoio de todos os demais candidatos a prefeito, como Francisco Rossi, Cláudio Piteri (PPS), Délbio Teruel e do tucano Celso Giglio, a maior liderança do PSDB de Osasco, cujo apoio foi fundamental para a surpreendente vitória de Rogério Lins.
Mas, voltando ao DNA petista na Prefeitura de Osasco, lembramos que além de Jorge Lapas, o próprio Rogério Lins é considerando como cria política de Emídio de Souza, em cujo governo, ele chegou a fazer parte como secretário de Esporte.
Agora, depois de 15 anos da primeira vitória de Emídio, a presença de petistas na administração de Osasco ainda é grande e, recentemente, foi fortalecida com a chegada do engenheiro Waldyr Ribeiro Filho, braço direito de Jorge Lapas, que se tornou secretário de Obras do governo Lins.
 
Gelso Lima
E uma dessas ligações transversais entre o PT e o Poder Executivo de Osasco, pode ser lida também por meio de Gelso Lima, amigo e cria de João Paulo Cunha e que já foi articulador e secretário de várias pastas, desde os governos de Emídio de Souza, passando por Jorge Lapas e também por Rogério Lins, do qual foi um dois principais articuladores na campanha de 2016.
Ainda no Podemos, hoje, Gelso Lima faz parte da administração tucana do prefeito Bruno Covas, na Capital paulista, mas, mantém forte ligação com a política osasquense. Nos bastidores políticos, o nome de Gelso é sempre citado para uma possível volta, principalmente, em ano eleitoral, graças à sua competência como articulador. Apesar de hoje fazer parte de uma administração tucana, não é recomendável fazer críticas ao Lula ou ao PT perto do Gelso. O que ele não esconde de ninguém é a sua fidelidade ao seu líder político João Paulo Cunha. Dizem até que Gelso Lima não dá um passo sequer, sem consultar João Paulo Cunha.
E apesar dos eleitores osasquenses terem varrido o PT da Câmara Municipal, em 2016, devido aos mais diversos casos de corrupção envolvendo praticamente todas grandes lideranças do partido, como a prisão do ex-presidente Lula, para 2020, esse quadro pode mudar, inclusive, com eleição de vereadores petistas.
E esta esperança nos meios petistas tem razão de ser. Com Lula solto, eles esperam que o maior cabo eleitoral do partido faça campanha para o Emídio na cidade. Poucos minutos depois de deixar a carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, Lula garantiu a Emidio, que estava ao seu lado, que irá fazer campanha para ele em 2020.
E se isso acontecer, Lula se sentirá em casa, até mesmo na Prefeitura, onde encontrará velhos amigos e correligionários. Sem dúvida, uma grande força para a candidatura do ex-prefeito Emídio de Souza.
Diante de toda essa onda petista que poderá se repetir com a presença de Lula, resta saber como seus adversários irão se posicionar e encarnar o antipetismo. Em minha opinião, até hoje no Brasil, existem apenas quatro políticos que são radicalmente anti PT, pregam isso e já chegaram a tirar proveito eleitoral dessa posição. São eles, o Presidente da República, Jair Bolsonaro, o governador de São Paulo, João Doria; o prefeito de Barueri, Rubens Furlan;,e o ex-prefeito de Osasco, Francisco Rossi. (Renato Ferreira).
 
Fotos e fatos:
Osasco DNA Petista Dilma e Alexandre Padilha
 
Osasco DNA Petista Lapas e Lula
 
Osasco DNA Petista Lins e Emidio
 
Osasco DNA Petista Lins e Lapas
 
Osasco DNA petista Gelso Lima
 
Osasco DNA Petista Waldyr Ribeiro e Emidio
 
Osasco DNA Petista Lins e Waldyr Ribeiro
Published in Política

Adversários ferrenhos em 2026 deverão estar no mesmo palanque em 2020.

 

Estamos a menos de um ano das eleições municipais e em cidades importantes do Brasil, como Osasco, na Grande São Paulo, os políticos e partidos estão fazendo de tudo (coisas imagináveis e inimagináveis) para se fortalecerem na campanha, que promete ser uma das mais acirradas.

Pelos acordos (muitos até absurdos), a gente pode prevê que muita água (e lama também), ainda vai passar por debaixo da ponte eleitoral. São acordos que até a um atrás nenhum político ou eleitor poderia imaginar que pudesse acontecer.

Por exemplo, é quase certo que adversários ferrenhos em 2016, como o prefeito eleito Rogério Lins (Podemos), e Jorge Lapas (PDT), que disputaram o segundo turno, vão estar no mesmo palanque em 2020. Resta saber se eles combinaram isso com seus cabos eleitorais, dos quais muitos saíram até no tapa durante a campanha para eleger o seu candidato. (Renato Ferreira)

 

 
Published in Política
Em junho, logo após a explosão da fogueira junina, o Corpo de Bombeiros de Osasco cassou o AVCB da casa de shows.
 
Como o Brasil inteiro sabe, no mês de junho deste ano, a explosão de uma fogueira junina por pouco não tirou a vida do prefeito de Osasco (Grande São Paulo), Rogério Lins e sua esposa, Aline Lins. Ao lado de milhares de pessoas, os dois participavam do conhecido "Arraiá dos Servidores", festa promovida pela Prefeitura e, quando eles foram acender a fogueira, houve a explosão, causando queimaduras gravíssimas no casal.
Rogério Lins queimado
O prefeito Rogério Lins e sua esposa, Aline, ficaram gravemente feridos com a explosão na Arena Vip
Ambos ficaram internados por mais de dez dias no Hospital Municipal Antonio Giglio, onde foram submetidos a intensos procedimentos, inclusive, a cirurgias. Os médicos disseram na época que eles "foram salvos por um milagre". Felizmente, graças às orações e ao trabalho dos médicos, Rogério e Aline se recuperaram muito rápido e voltaram pouco tempo depois às sus atividades - ele na Prefeitura, e ela à frente do Fundo Social de Solidariedade.
A festa ocorria no espaço de shows - Arena Vip - inaugurada no início de 2019. E, tão grave quanto o acidente que vitimou o prefeito e a primeira-dama, foram as notícias que se seguiram dando conta das irregularidades da Arena Vip, até então desconhecidas pela população.
Tão graves foram essas revelações que na época, o Corpo de Bombeiros de Osasco cassou o AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros), alegando diversas irregularidades para a cassação das licenças. Dentre as irregularidades, constavam falha de extintores suficientes conforme o projeto técnico; não instalação de extintores e sinalização de emergência; obstrução da rota de fuga; além de não haver saídas suficientes para o escoamento seguro do público; dentre outras.
Como não se falou mais sobre o caso durante mais de cinco meses após a explosão, por solicitação de nossos leitores, voltamos a esse assunto, uma vez que é comum no Brasil, as investigações só ocorrerem após as tragédias, como aconteceu no caso incêndio na Boate Kiss, em Santa Maria (RS), com centenas de mortes e feridos.
Então, Notícias & Opinião pauta novamente esse assunto para verificarmos se a Arena Vip já regularizou essas pendências, uma vez que o espaço continua anunciando uma extensa programação de eventos e shows que reúnem milhares de pessoas. Na época, a casa de shows chegou a recorrer da decisão, mas, teve o recurso negado pelo Corpo de Bombeiros.
Assim, em breve voltaremos com novas informações, tão logo obtivermos as informações junto aos órgãos públicos responsáveis por licenças de funcionamento e de fiscalização desse tipo de espaço de shows e diversão na cidade de Osasco. (Renato Ferreira)
Published in Cidade
Frase é do prefeito Rogério Lins, em resposta ao vereador Tinha Di Ferreira, que afirmou, em audiência pública da Saúde, na manhã desta segunda-feira, na Câmara Municipal, que prefeito ficou "hospedado" no hospital municipal, no período em que se recuperava de queimaduras. Lins foi além: "fiquei no hospital municipal em respeito à cidade; já quando o senhor teve problema de saúde, foi para o convênio", completou
 
(Por Erica Celestini - Webdiario.com.br)
“Não fiquei hospedado no Hospital Antônio Giglio. Quase perdi a vida, junto com minha mulher”. Essa foi a resposta dada, pelo prefeito Rogério  Lins, ao vereador Tinha di Ferreira, que vem afirmando, nas última sessões da Câmara, que Lins esteve “hospedado” no hospital, referindo-se ao período em que o prefeito e a primeira-dama, Aline Lins, ficaram internados na unidade, se recuperando de queimaduras após acidente com fogueira no Arraiá do Servidor, em junho.
 
A mais recente referência à “hospedagem” aconteceu na manhã desta segunda-feira, durante audiência pública de prestação de contas do último quadrimestre da Secretaria da Saúde. Só que, desta vez, o prefeito integrava a mesa diretora dos trabalhos e fez questão e responder ao vereador, cobrando também “respeito” a outras pessoas internadas na unidade.  “Não fiquei hospedado no hospital. Quase perdi a vida, junto com minha esposa. E não desejo isso para ninguém. É um episódio que, para mim, está encerrado. Mas, em primeiro lugar, temos que respeitar as famílias. Ninguém vai ao hospital para ficar hospedado, não importa a complexidade pelo que a pessoa passou”, afirmou.
Rogério Lins no hospital
O prefeito também não perdeu a chance de dar uma “alfinetada” no vereador. “Fiquei no hospital público, não fui para particular, como Vossa Excelência. Quando o senhor teve problemas de saúde, foi para o convênio. Fiquei no hospital do nosso município respeito a nossa cidade”, completou Lins. Ele e a primeira-dama ficaram internado por 12 dias após queimaduras sofridas em explosão, ao acenderem a fogueira da festa  junina dos servidores públicos, no dia 28 de junho.
 
O prefeito teve 16% do corpo queimado e a primeira-dama teve 8%, mas sofreu queimaduras mais graves nas mãos e passou por enxerto. O perfeito só usou a palavra no final da audiência, que foi marcada também por bate-boca entre Tinha e as pessoas que estavam no  plenário e respondiam com vaias às suas intervenções. "Texto: Erica Celestini/Webdiario.com.br)
Published in Política
Rogério Lins trouxe para o seu governo o braço direito do ex-prefeito e seu adversário em 2016, Jorge Lapas.
Por Renato Ferreira -
Na manhã desta quinta-feira, 12/09, o prefeito de Osasco, Rogério Lins (Podemos) empossou o seu novo Secretário de Obras, o engenheiro Waldyr Ribeiro Filho, fato que movimentou os bastidores da política osasquense e que deve significar novos rumos para as eleições municipais de 2020. Isto porque, Waldyr Ribeiro é o braço direito do ex-prefeito Jorge Lapas (PDT), que disputou o segundo turno das eleições de 2016 contra Rogério Lins.
Waldyr Ribeiro assume o cargo deixado por Lau Alencar, que foi empossado, também hoje, como titular da Secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana (Setran). O ex-titular da Pasta, Claudenes Begnini, será o secretário-adjunto. Já na Secretária de Obras, o ajunto será Persival Santi.
Em seu discurso, Rogério Lins desejou sucesso aos seus novos colaborares. Ao se referir a Lau Alencar, Lins mencionou o termo soldado, usado anteriormente pelo próprio Lau, que agradeceu ao prefeito e prometeu dedicação também na Setran. "Como o Lau disse, ele é e sempre foi um soldado a serviço de Osasco. É competente e sei que ele trabalhará com total dedicação também no setor de transporte e mobilidade urbana da nossa cidade".
 Técnica e política
Tanto Rogério Lins, como Waldyr Ribeiro negaram os comentários de que a sua chegada ao primeiro escalão do governo municipal significa uma aliança de Lins e Lapas. Porém, é inegável essa aproximação, uma vez que Waldyr Ribeiro ocupou duas Secretarias (Governo e Obras) no Governo Lapas, são amigos e sócios empresariais. Ele também participou da mini-campanha de Jorge Lapas em 2012, quando ainda no PT, Lapas substituiu o então candidato petista, João Paulo Cunha, 30 dias antes do pleito, além de ter sido o principal articulador da campanha do ex-prefeito em 2016.
Novos Secretários Waldyr Ribeiro
Waldyr Ribeiro Filho, novo secretário de Obras da Prefeitura de Osasco
Ao falar após a posse, Waldyr Ribeiro agradeceu a Lins pelo convite e disse que Osasco precisa ser pensada para o presente e, principalmente, para o futuro. "Temos que pensar e trabalhar para daqui a 5, 10 ou 50 anos. Espero, com vocês, fazer um grande trabalho na Secretaria de obras e poder trabalhar por uma cidade cada vez melhor para todos".
Lapas e Podemos
Novos Secretários Lins Athaide e Fábio Teruel
Deputado Estadual Ataíde Teruel, Rogério Lins e Fábio Teruel
Sem dúvida, é indiscutível a capacidade técnica de Waldyr Ribeiro. E o Rogério Lins - como alguns colegas jornalistas comentaram - acaba de marcar um golaço em sua administração, não somente na parte técnica, mas, também no campo da política/eleitoral.
Basta lembrar que Waldyr Ribeiro e Lapas já foram do PT, passaram pelo PDT (onde o Lapas ainda está) e, hoje, o novo secretário faz parte do Podemos, um grande partido em nível nacional. Ou seja, além do apoio da maioria absoluta dos 21 vereadores de Osasco, Lins consegue também com a vinda de Waldyr Ribeiro, ampliar seu leque de apoio dentre outras lideranças partidárias.
Antes de convidar Waldyr Ribeiro, Rogério Lins consultou Jorge Lapas que, imediatamente, apoiou a ideia e intermediou uma recente reunião, onde o convite foi feito oficialmente e aceito pelo ex-secretário de Obras. Dessa reunião participaram também o deputado Estadual Ataíde Teruel e seu filho, o radialista Fábio Teruel, ambos do Podemos. Fábio Teruel deve ser o candidato a prefeito do Podemos em Barueri.
Waldyr Ribeiro é amigo da família Teruel, trabalhou na campanha vitóriosa de Ataíde e, até ontem, era o chefe de Gabinete do Deputado, que também fez questão de elogiar Rogério Lins pelo convite. "Perco o meu chefe de Gabinete, mas, é por uma boa causa. Pois, o Waldyr é um excelente profissional e fará um grande trabalho - como já fez - na Secretaria de Obras de Osasco", disse Ataíde Teruel.
Por sua vez, Fábio Teruel também elogiou o trabalho de Waldyr Ribeiro e enfatizou a sua forma de trabalhar sempre sorrindo e com dedicação. "O sorriso é a principal arma para o sucesso. E o Waldyr Ribeiro tem essa característica. Assim, tenho certeza, que o sorriso dele e do Rogério Lins continuarão fazendo a diferença em prol do povo de Osasco", disse o radialista.
Novos Secretários Rogério falando
Prefeito de Osasco, Rogério Lins, fala durante a cerimônia de posse de novos secretários municipais
Ao falar sobre o convite a Waldyr Ribeiro, Rogério Lins afirmou que a cidade de Osasco está acima de qualquer projeto individual. "Eu e o Waldyr já estivemos em lados opostos, mas, somos amigos e sempre pensamos em trabalhar por uma Osasco melhor. Sei da sua capacidade e por isso o convidei. Fiquei contente por ele aceitar e pelo apoio do Jorge Lapas, que também sempre pensou no melhor para Osasco. A disputa eleitoral dura apenas seis meses, depois disso, as pessoas de bem, voltam a trabalhar pelo desenvolvimento e pelo bem do povo de nossa cidade. Assim, contamos também com apoio da deputada Federal, Renata Abreu, presidente nacional do Podemos e do nosso amigo, o deputado Estadual, Ataíde Teruel. Hoje, Osasco tem, de verdade, um deputado de Osasco, que trabalha pela cidade na Assembleia Legislativa de São Paulo. O nosso partido é Osasco", enfatizou Rogério Lins.
A cerimônia de posse ocorreu na Sala Luiz Claudino dos Santos (antiga Sala Osasco), e contou com a presença também da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Aline Lins; da ;vice-prefeita Ana Maria Rossi; do presidente da Câmara Municipal, vereador Ribamar Silva; dos vereadores, Alex Sá, vice-presidente; Batista Comunidade e Josias da Juco, e de secretários municipais.
Nota de Lapas
Após o evento em Osasco, Jorge Lapas divulgou uma nota de apoio ao amigo Waldyr Ribeiro
"Sinto na obrigação de me manifestar diante da nomeação do meu amigo Waldyr Ribeiro Filho para a Secretaria de Serviços e Obras de Osasco. Primeiramente parabenizo o prefeito Rogério Lins pela escolha deste que sem dúvidas foi um dos melhores secretários que a pasta já teve. Tenho certeza que ele é um profissional digno da mais profunda admiração pela forma incansável, com a qual se dedica ao seu objetivo e profissão com determinação. Desejo nesta nova missão muito sucesso e que faça o melhor para a nossa querida Osasco que com certeza sairá ganhando com tal decisão". Jorge Lapas. (Renato Ferreira).
Published in Política
 
A Prefeitura de Osasco, sob o comando do Prefeito Rogério Lins (PODE), dá mais um grande passo na área da Educação. As escolas de ensino fundamental do Município agora contam com lousas digitais. A iniciativa demonstra que a Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Educação, tem investindo em tecnologia e inovação.
Com o novo equipamento, os professores fazem apresentações de suas aulas utilizando-se de programas como PowerPoint ou links de sites, já que poderão navegar na internet durante a apresentação do tema proposto aos alunos. Os professores também poderão consultar conteúdos e reproduzir vídeos ligados ao tema da aula.
Como o secretário de Educação, José Toste Borges, explicou, a lousa interativa é uma ferramenta que potencializa o uso da tecnologia em sala de aula. “O prefeito Rogério Lins tem investido em tecnologia e inovação na educação municipal. Também tem possibilitado que os nossos professores utilizem nas salas de aulas conteúdos digitais, que proporcionam uma nova realidade no processo de ensino e aprendizagem, através da interatividade com conteúdo digital”, conclui.
Aulas dinâmicas
Osasco Lousa digital Lins
Nesta sexta-feira, 16, o Prefeito Rogégio Lins acompanhou uma aula com a lousa digital. "Com esse equipamento inovador, os professores têm aulas mais dinâmicas e interativas trazendo inclusive ao dia-a-dia do aluno conteúdos da Internet e até reproduzir vídeos, fazendo com que essa geração que está cada vez mais conectada, fique cada vez mais interessada pelos novos aprendizados. Eu assisti uma aula com as nossas crianças e estou encantado com o projeto. As crianças interagiram muito e, agora, aprender ficou ainda mais divertido", disse Lins.
Osasco Lousa digital
O sistema de lousa retrátil possui superfície de escrita diagramada branca, além do módulo interativo, uma vez que a lousa digital é como uma tela de computador, só que maior. Deste modo, o sistema alia a escrita tradicional, com a utilização tecnológica.
Durante o semestre, os professores receberam orientação sobre como tirar o melhor proveito do equipamento interativo. A docente Josiane de Araújo explicou que as crianças e adolescentes estão em constante contato com computadores, tablets e celulares. Se a escola não acompanha a tecnologia, acaba tornando-se pouco interessante para essa nova geração. (Informações - Secom)
Published in Cidade
Dentre várias contratações, como a central Mara e a levantadora Roberta, a surpresa foi o anúncio da volta de Jaqueline depois de 6 anos.
 
Esta terça-feira, 13/08, foi um dia de festa para o esporte de Osasco. A cidade que respira vôlei conheceu a nova equipe do Vôlei Osasco Audax para a temporada 2019/2020. Em evento realizado de manhã, no Teatro Municipal Glória Giglio, o técnico Luizomar apresentou as atletas que vestirão a camisa do mais tradicional clube do vôlei feminino do Brasil e que lutará pelos títulos do Campeonato Paulista e Superliga. A apresentação teve um elemento surpresa para a fanática osasquense:Jaqueline está de volta.
 
“É uma emoção muito grande. Estou voltando onde tudo começou. Estou me sentindo como uma juvenil, até frio na barriga eu estou sentindo. Agora é fazer uma boa pré-temporada, me recondicionar e entrar na minha melhor forma para me colocar à disposição para Osasco na luta por títulos”, afirmou Jaque, muito solicitada pelo grande número de torcedores osasquenses ao lançamento.
Quem também se sentiu voltando para o lar foi a central Bia, que retornou após uma temporada no Rio. “Vocês não sabem como é bom voltar para Osasco”, enfatizou a atleta. Bia vai formar o paredão do Vôlei Osasco-Audax com Mara. “Pode me chamar agora de Mara de Osasco. Vamos trabalhar muito e, com certeza, lutar por conquistas nessa temporada”, garantiu a central, que ontem mesmo se apresentou à seleção brasileira ao lado de Bia e da levantadora Roberta. “Já joguei muito contra Osasco e vai ser uma emoção forte quando retornarmos da seleção para jogar com a torcida a favor”, revelou.
Brait volta à Seleção
- O trio que ajudou o Brasil a conquistar a vaga para os Jogos Olímpico de Tóquio ‘vai levar um reforço de Osasco’ para a seleção. Camila Brait está de volta e disposta a trabalhar para realizar o sonho de disputar uma Olimpíada. “É um sonho que alimento desde pequena e só posso agradecer a Osasco e ao técnico Luizomar por terem me dado todo o apoio e incentivo para voltar a jogar em alto nível após o nascimento da Alice. Sou muito grata e estou duplamente feliz. Pela apresentação no nosso time para a nova temporada e por voltar a vestir a camisa do Brasil”.
Vôlei Osasco Luizomar
O prefeito de Osasco, Rogério Lins, que abriu o evento, observa a fala do técnico Luizomar que apresentou a nova equipe para a temporada 2019/2020
O técnico Luizomar também não escondeu a satisfação em apresentar o time de Osasco para mais uma temporada. “É sempre uma satisfação apresentar nossas atletas. Temos um time renovado, mantendo o DNA de Osasco de lapidar novos talentos e é com alegria que estou aqui, com apoio incondicional da prefeitura, na figura do Rogério Lins, e de marcas tão importantes que nos apoiam com o patrocínio”, afirmou o treinador, que completou. “Além das atletas com grande potencial, também tenho a alegria de receber grandes nomes como a Mara e a Roberta, que foram adversárias e revelaram o desejo de vestir a nossa camisa, além de receber de volta a Bia e seguir contando com a Camila Brait.”
O treinador também fez questão de dar as boas vindas as novas estrangeiras Casanova e Bjelica. “São atletas de grande qualidade que nos ajudarão muito. A Casanova já está com a gente e a Bjelica segue servindo a seleção servia, que conquistou a vaga olímpica recentemente”, disse Luizomar. A cubana Casanova também comentou sua chegada. “Defender um time como Osasco é uma grande oportunidade e estou preparada e motivada a ajudar na luta por títulos”, afirmou, lembrando da importância do apoio de grandes marcas para o time. Os patrocinadores são Audax, Bradesco, iFood, São Cristóvão/Saúde, Grupo Rezek (Reserva Raposo), Grupo Marquise (EcoOsasco), Hummel, com apoio da Prefeitura de Osasco.
Apoio do Prefeito
O prefeito Rogério Lins engrossou o coro na expectativa por uma grande temporada. “O vôlei é um patrimônio do povo de Osasco, que é apaixonado pelo esporte. É tanta paixão que até minha filha, que antes queria ser bailarina, agora treina para se tornar líbero. Essa é só uma amostra do amor da cidade por esse time, que tem uma torcida maravilhosa. Quem assiste a um jogo nosso no José Liberatti jamais esquece. E estamos formando um grande time para uma grande temporada e agradeço muito aos patrocinadores pelo apoio e por nos ajudar a tornar tudo isso em realidade”, completou.
Osasco Vôlei público
 
O novo time
O Vôlei Osasco-Audax para a temporada 2019/20 está reformulado, mas segue apostando na mescla de atletas de alto nível com jovens valores do esporte. Entre os nomes consagrados que vestirão a camisa osasquense estão as do trio que auxiliou o Brasil a conquistar a vaga para a Olimpíada de Tóquio: Bia, Mara e Roberta. Outro destaque é líbero Camila Brait, que segue na equipe e após uma grande desempenho na temporada passada, está de volta à seleção brasileira.
A cubana Heidy Casanova e a sérvia Ana Bjelica são as estrangeiras contratadas para a nova temporada. A atacante da Sérvia já é conhecida da torcida e volta para defender Osasco após jogar pelo clube na temporada 2016/17. A equipe contará ainda com nomes conhecidos do cenários nacional como Ellen Braga, Vanessa Janke, Pri Heldes e Fernanda Tomé além de investir em jovens atletas como Adriani Vilvert, Fernanda Tomé, Amanda, Karyna Malachias e Kika, que, assim como Camila Brait, renovou com o time. À frente do projeto segue o técnico Luizomar de Moura. O treinador tem uma carreira vitoriosa na modalidade, com um título mundial (2012), três conquistas de Superliga, sendo duas pelo time de Osasco (2009/10 e 2011/12) e uma pelo Flamengo (2000/01), em seu primeiro ano como técnico. Ele também é tricampeão da Copa Brasil, tetracampeão sul-americano de clubes e tem nove títulos do Campeonato Paulista, todos comandando o time osasquense. Segundo o calendário divulgado pela Federação Paulista de Vôlei (FPV) e Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), a temporada 2019/20 tem início a partir de setembro, com o Campeonato Paulista. A Superliga tem a primeira rodada programada para o início de novembro.
 
VÍDEOS
Torcida osasquense aplaude a nova equipe:
Confira neste vídeo: https://bit.ly/2H7pxnj
 
Camila Brait fala sobre suas expectativas para a próxima temporada e de sua volta à Seleção Brasileira:
Confira neste vídeo: https://bit.ly/302BbHq
 
VOLEI OSASCO-AUDAX - TEMPORADA 2019/20
JAQUELINE Nome completo: Jaqueline Maria Pereira de Carvalho Endres Posição: Ponteira Altura: 1,86m Nascimento: 31 de dezmebro de 1983 Local: Recife (PE)
CAMILA BRAIT Nome completo: Camila de Paula Brait Posição: líbero Altura: 1,68m Nascimento: 28 de outubro de 1988 Local: Frutal (MG)
BIA Nome completo: Ana Beatriz Silva Correa Posição: Central Altura: 1,88m Nascimento: 7 de fevereiro de 1992 Local: Sorocaba (SP) ROBERTA Nome completo: Roberta Silva Ratzke Posição: levantadora Altura: 1,85m Nascimento: 28 de abril de 1990 Local: Curitiba (PR)
MARA Nome completo: Mara Ferreira Leão Posição: Central Altura: 1,92m Nascimento: 26 de julho de 1991 Local: Sabinópolis (MG)
ANA BJELICA Nome completo: Ana Bjelica Posição: Ponteira/Oposta Altura: 1,90m Nascimento: 3 de abril de 1992 Local: Belgrado (Sérvia)
HEIDY CASANOVA Nome completo: Heidy Casanova Álvarez Posição: Oposta Altura: 1,84 metro Nascimento: 6 de novembro de 1998 Local: Havana (Cuba)
FERNANDA TOMÉ Nome completo: Fernanda Tomé Davis Posição: Ponteira/Oposta Altura: 1,94m Nascimento: 10 de dezembro de 1989 Local: Penápolis (SP)
ELLEN BRAGA Nome completo: Ellen Vilas Boas Braga Trugillo Posição: Ponteira Altura: 1,80m Nascimento: 12 de junho 1991 Local: Recife (PE)
KIKA Nome completo: Érica Motta Lima Posição: Líbero Altura: 1,65m Nascimento: 21 de maio de 1996 Local: Osasco (SP)
PRI HELDES Nome completo: Priscila Oliveira Heldes Posição: Levantadora Altura: 1,78m Nascimento: 27 de março de 1992 Local: Belo Horizonte (MG)
VANESSA JANKE Nome completo: Vanessa Janke Posição: Ponta Altura: 1,84m Nascimento: 8 de março de 1991 Local: Pomerode (SC)
ADRIANI VILVERT Nome completo: Adriani Vilvert Joaquim Posição: Central Altura: 1,86m Nascimento: 26 de abril de 1993 Local: São José (SC)
KARYNA MALACHIAS Nome completo: Karyna Malachias Posição: Central Altura: 1,94m Nascimento: 26 de fevereiro de 1999 Local: São Paulo (SP)
AMANDA SEHN Nome completo: Amanda Rodrigues Sehn Posição: Levantadora Altura: 1,82m Nascimento: 16 de julho de 1998 Local: Lajeado (RS)
 
COMISSÃO TÉCNICA Técnico – Luizomar de Moura Assistente técnico – Jefferson Arosti Auxiliar técnico – Spencer Lee Christian Fjos Preparador físico – Marcelo Vitorino de Souza Fisioterapeuta – Thiago Menezes Lessa Moreira Estatístico – Leonard Lopes Barbosa
Published in Esporte
Nesta quarta, 07/08, o prefeito de Osasco Rogério Lins, recebeu as primeiras viaturas da Polícia Militar com novo grafismo determinado pelo Governo de João Doria. Segundo informou a Secretaria de Segurança do Estado,a substituição de toda a frota da PM será realizada de forma gradual.
Osasco novas viaturas da PM veículos
Por uma questão de economia, aas novas viaturas são adesivadas. As cores vermelha, cinza e preto foram aplicadas sobre o veículo branco com o mapa do Estado de São Paulo nas mesmas cores em suas laterais com o branco predominando.
“Estamos usando mais branco, que é a cor da paz, da polícia pacificadora, que nos protege. Além disso, ao invés de serem pintadas, as viaturas são adesivadas, o que valoriza e facilita a recuperação e troca de adesivagem, se necessário. Ganhamos dois dias no tempo de recuperação (em caso de acidentes ou danos)”, disse o governador João Doria.
Osasco novas viaturas da PM motos
Nas redes sociais, ao lado da vice-prefeita, Ana Maria Rossi, e do secretário de Segurança, Coronel Virgulino, o prefeito Rogério Lins falou sobre a renovação da frota: “Osasco recebeu 17 novas viaturas da Polícia Militar, para que possamos ampliar as ações de combate à criminalidade. Agradecemos ao Governador João Dória por mais esse importante investimento em nosso município”, afirmou Lins.
Published in Cidade

 

Nesta terça-feira, 06/08, a Câmara Municipal de Osasco, sob a Presidência do vereador Ribamar Silva (sem partido), realizou sua primeira sessão ordinária após o recesso parlamentar de julho. Como de praxe, o prefeito Rogério Lins (Pode) participou da sessão, ocasião em que falou sobre diversos Projetos do Executivo que serão enviados para apreciação do Legislativo no segundo semestre.

O juiz e Diretor do Fórum de Osasco, Samuel Karasin, também participou do evento. Pela primeira vez uma sessão ordinária da Câmara contou com a presença dos Presidentes dos Três Poderes - Legislativo, Executivo e Judiciário - do Município de Osasco.

Após a leitura do Expediente pelo secretário da Mesa, vereador Daniel Matias, Ribamar Silva passou a palavra a Rogério Lins, agradecendo-o pela visita. "Estamos felizes e honrados em recebê-lo mais uma vez aqui na Casa do Povo, prefeito Rogério Lins. E também agradecidos a Deus pela recuperação de Vossa Excelência e também da Primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Aline Lins. Conte sempre com o apoio do Legislativo de Osasco", disse Ribamar Silva.

No dia 28 de junho, Rogério e Aline Lins sofreram queimaduras de primeiro e segundo graus quando acendiam a fogueira junina do Arraiá do Servidor, na Arena Vip. Ambos ficaram internados por 12 dias no Hospital Municipal Antônio Giglio e ainda têm restrições à luz solar e ao calor.

Projetos do Executivo

Após agradecer nominalmente a todos os vereadores presentes, Rogério fez um resumo das ações do Executivo no primeiro semestre e destacou diversos Projetos que a Prefeitura enviará ao Legislativo no segundo semestre de 2019. São Projetos que beneficiarão diversas áreas, como Segurança, Saúde, Habitação e Educação, com destaque para o Projeto de Lei que prevê a implantação do Bilhete Único.

Vereadores de Osasco Rogério Lins

O prefeito Rogério fala sobre projetos do Executivo na primeira sessão após o recesso parlamentar na Câmara Municipal de Osasco

"Aproveito este momento para agradecer o apoio de todos os vereadores, pois, o Executivo depende desta Casa de Leis para aprovar os projetos em prol da população.Já investimos muito, por exemplo, na área de Segurança, como também em Saúde, Habitação e Educação. Vamos criar mais de 4 mil vagas em creche num programa pioneiro com parceria de gestão com a Fito. Entregamos hoje aqui o Projeto do Bilhete Único e se for aprovado pela Câmara, até o final do ano já estará funcionando em Osasco", afirmou Lins.

Novo Fórum

Ao usar a Tribuna da Câmara, o juiz Samuel Karasin falou sobre a importância da construção do novo Fórum da Comarca de Osasco. "Trata-se de uma importantíssima obra para um atendimento digno aos osasquenses. Então, aproveito esta oportunidade para agradecer o apoio desta Casa e de todos os vereadores para a conclusão do novo Fórum de Osasco", disse o doutor Karasin.

Segundo Ribamar Silva, o Legislativo vai colaborar com a construção do novo Fórum, destinando verbas não utilizadas pela Câmara. "Em nome do Poder Legislativo, nossa intenção é destinar R$ 5 milhões para a obra de reconstrução do fórum da Comarca de Osasco”,afirmou Ribamar.

Estiveram presentes também os secretários municipais, Sérgio di Nizo (Administração); Lau Alencar (Obras), José Carlos Vido (Chefe de Gabinete), Cel. Virgulino (Segurança e Controle Urbano) e o comandante da Guarda Civil Municipal, inspetor Raimundo. Mirelli Bueno representou a deputada Federal e presidente nacional do Podemos, Renata Abreu. Com o jornalista Renato Ferreira, Notícias & Opinião esteve presente à sessão e conversou com prefeito Rogério Lins e com o vereador Ribamar Silva (Renato Ferreira).

Published in Política
Página 1 de 5

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.