Segunda, 11 Dezembro 2017 | Login
“Espero que o PT continue acertando suas previsões”, diz Rogério Lins sobre críticas de Emídio de Souza

“Espero que o PT continue acertando suas previsões”, diz Rogério Lins sobre críticas de Emídio de Souza Featured

“Já promovemos muitas melhorias em nove meses de governo e acho que a avaliação mais coerente e justa será após o mandato. Fomos eleitos para quatro anos de governo”, enfatizou

 

Renato Ferreira -

 

Na última terça-feira, (03/10), o prefeito de Osasco, Rogério Lins, demonstrando ser um político realista, otimista e de bom relacionamento com todos os segmentos sociais, reuniu a imprensa da região para um café da manhã, ocasião em que falou, descontraidamente, durante quase três horas sobre os seus primeiros nove meses de governo. Além de falar com otimismo sobre obras já realizadas, outras em andamento, planos e metas de seu governo, Lins falou também de política, troca de secretários, planos e metas para os próximos anos, com destaque para áreas da Saúde, Educação, Habitação, Segurança, novos investimentos, dentre outros. E não demonstrou irritação nem mesmo quando foi indagado sobre críticas que recebe de adversários e ex-aliados políticos, como o ex-prefeito Emídio de Sousa (PT). Veja, a seguir, os principais trechos da entrevista coletiva, que contou com a presença de, praticamente, toda a imprensa de Osasco e região.

Mudança de secretários

Coletiva Lins Geral

“Com certeza, muitos de vocês vieram para esta coletiva pensando que o assunto principal fosse a troca de nomes no Secretariado, como vem sendo ventilado pela imprensa. Estamos aqui ao lado de dois secretários – Gelso de Lima (Governo) e Sérgio di Nizo (Administração e Sica), cujos nomes chegaram a ser mencionados que seriam substituídos. São apenas especulações. Como num time de futebol, vamos ter, sim, mudanças no quadro de nossos colaboradores até o final do ano, mas, sempre pensando no melhor para Osasco e respeitando também a conjuntura político/partidária para uma efetiva e profícua governabilidade. Em breve, convidaremos vocês novamente para anunciar essa reestruturação administrativa”.

Heranças

“Como sempre afirmei, não governamos Osasco olhando pelo retrovisor. Porém, é necessário que todos saibam que encontramos seríssimos problemas na cidade, como obras e serviços sem licitação em todos os setores da administração. São dívidas altíssimas que herdamos e os credores têm direito a receber e vamos, sem prejudicar outros setores, saldar os compromissos da Prefeitura. Em termos de rescisões e multas rescisórias, o total é de R$ 18 milhões que herdamos. Nesse primeiro ano, estamos trabalhando para colocar a casa em ordem e, se Deus quiser, avançaremos com novos projetos para os próximos anos”.

Quatro anos

“Já promovemos muitas melhorias nesses primeiros nove meses de administração em todas as áreas de atuação da Prefeitura. Procuro levar em conta todas as críticas construtivas que recebemos, pois, isso nos ajuda a aprimorar os serviços públicos. Porém, acho que a avaliação mais coerente e justa deva ser feita após o mandato de quatro anos para os quais fomos eleitos e não com apenas noves de governo. E a avaliação quem deve fazer é o povo de Osasco, como fez nas eleições municipais de 2016”.

Saúde

“No primeiro dia de nosso governo, encontramos a Maternidade Amador fechada por falta de médicos e enfermeiros que pudessem tratar com dignidade os pacientes e atender a demanda dessa importante unidade hospitalar de Osasco. Contratamos profissionais em regime de emergência para que a Maternidade voltasse a funcionar. No Hospital Municipal Antônio Giglio, contratamos uma Organização Social (OS), para uma administração compartilhada que pudesse atender a todos com respeito, carinho e dignidade, tanto no Hospital Central como na UPA Centro. E essa nova OS, que é o Instituto Saúde Resgate à Vida, em menos de 50 dias, reativou o Centro Cirúrgico e Ortopédico, ampliou leitos, deu mais agilidade no fluxo de atendimento e transferência em todos os setores do Hospital. Ainda na Saúde, contratamos 163 novos médicos para atender a demanda, firmamos uma parceria com a Faculdade de Medicina da Uninove, recém instalada em Osasco, que, como contrapartida, trará inúmeros benefícios à população, com médicos residentes atendendo na rede pública municipal”.

Radares sem pegadinha

Coletiva Lins eu

“Osasco, como qualquer outra cidade do seu porte, necessita de fiscalização no trânsito. E o município terá radares para fiscalizar e punir aqueles que desrespeitam as leis de trânsito e colocam em risco, não somente a sua própria vida, como a de terceiros. Muitos têm confundido as câmeras de monitoramento e de segurança como radares. Afirmo pra vocês que Osasco terá fiscalização eletrônica para punir infratores, mas, não voltará a ter indústria de multas e nem radar pegadinha”.

Smart City

“Considero as novas tecnologias como um importante aliado das administrações públicas. Elas nos ajudam a melhorar os espaços e as ações de infraestrutura e de sustentabilidade em todas as áreas. Em breve o município terá novos investidores, como um grande grupo de tecnologia que está se instalando na cidade – cujo nome ainda não pode ser divulgado. Osasco poderá ser considerada uma Smart City, pois, ninguém entrará ou sairá de Osasco sem passar pelas câmeras e pelo sistema de segurança que ela terá”.

Segurança

“Pensando na segurança diária do cidadão osasquense, implantamos algumas operações com a Guarda Municipal, como o “Amanhecer Seguro”, e outras em conjunto com as polícias Civil e Militar. Por concurso público vamos aumentar o efetivo da GCM, que terá também investimentos em sua frota e em equipamentos de segurança, além da contratação de 100 novos agentes de trânsito. Sobre o estacionamento rotativo na cidade, estamos estudando um novo modelo de parquímetro com tecnologia mais moderna e que facilite a vida do munícipe”.

Educação

“Na Educação, lamentamos o atraso na entrega dos uniformes e do material escolar, devido aos problemas burocráticos. A antiga administração não fez a licitação no tempo devido conforme determina a legislação, o que nos impediu de fazer a entrega no primeiro semestre. Um processo licitatório demora de seis a sete meses. Assim, iniciamos a distribuição no final de setembro. Esse atraso não se repetirá, pois, fizemos a licitação dobrada e, a partir de 2018, a distribuição ocorrerá no início do período letivo. Estamos também estudando a implantação de outros sistemas de recreação e lazer para as crianças da rede municipal de ensino, descentralizando os processos licitatórios para ampliar o acesso dos alunos a peças teatrais, passeios ao litoral, Aquário de São Paulo, Zoológicos, dentre outros locais de recreação.

 Escolas e creches

“Já abrimos também a licitação para a construção de sete novas escolas, além do novo formato que vamos adotar na cidade, denominado de ‘Mundo da Criança”. Esse projeto visa a transformação de dois prédios públicos em creches, um na zona Norte, outro na Sul. Será o maior projeto de creches do Brasil. Assim, a Prefeitura irá diminuir significativamente o déficit de vagas, que era de 9,5 quando assumimos e, hoje, está em 8.355”. E não somente estamos investindo no atendimento às crianças, mas, também em equipamentos para atender com dignidade à nossa população da Terceira Idade”.

Novo Paço Municipal

"As obras serão retomadas dentro de 30 dias e a conclusão está prevista para 20 meses. Serão dois prédios que abrigarão as novas sedes da Prefeitura e da Câmara Municipal. Com as novas instalações, o Executivo e o Legislativo terão condições infinitamente melhores para atender aos munícipes de Osasco e todas as pessoas que procurarem por serviços ou informações tanto na Prefeitura, como na Câmara Municipal".

Novas obras

“Consideramos que as menores obras, são conquistas diárias para o povo de Osasco. Por outro lado, já retomamos também grandes obras, como a construção do Paço Municipal, que abrigará um teatro com capacidade para 700 lugares; a canalização do Braço Morto do Rio Tietê, no Rochdale, e a entrega de novas moradias para a região, como as obras no Morro do Sabão, além de parcerias com novas organizações sociais para as áreas da Saúde e Educação”.

Esporte

“Na área do esporte, já implantamos diversas melhorias e vamos investir na modernização de 12 campos de futebol que, além de receber gramado sintético, terão equipamentos esportivos para atingir um público mais amplo; e ações esportivas por toda a cidade. Pra mim, o esporte complementa a educação. É uma ferramenta de inclusão social e de transformação para crianças e adolescentes”.

Críticas do Emídio

“Em minha opinião, todos os ex-prefeitos trabalharam em prol de Osasco e deram a sua colaboração para o desenvolvimento da cidade. Respeito a todos, inclusive, o Emídio de Souza. E respeito também a sua opinião sobre o meu governo. Ele teve oito anos de governo e eu estou apenas entrando no décimo mês de administração. Tenho ainda, no mínimo, mais três anos e três meses para trabalhar e colocar em prática nosso plano de governo. Durante a campanha, o Partido dos Trabalhos, que também teve candidato, dizia que eu era muito jovem, não tinha experiência e que não seria eleito. As urnas mostraram que sou o prefeito eleito com a maior votação da história de Osasco. Então, espero que o PT continue acertando suas previsões”. (Fotos: Ivan Cruz - SECOM)

000

About Author

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.