Quinta, 24 Agosto 2017 | Login
Lula é condenado por Moro a 9 anos e meio de prisão

Lula é condenado por Moro a 9 anos e meio de prisão Featured

Conforme a denúncia, Lula recebeu R$ 3,7 milhões da OAS por meio de entrega e reforma do triplex no Guarujá. É a primeira vez que um ex-presidente da República é condenado por corrupção

 

Na tarde desta quarta-feira (12/07), aconteceu o que a maioria dos brasileiros já esperava. O juiz Sergio Moro condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a nove anos e meio de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

 

A sentença é referente ao processo em que o ex-presidente petista foi acusado pela força-tarefa da Lava-Jato de receber propina da OAS, uma das empreiteiras envolvidas no mega esquema de corrupção da Petrobras. 

Segundo a denúncia do Ministério Público aceita pela Justiça, a OAS pagou R$ 3,7 milhões por meio de entrega e reforma do triplex no Guarujá. Lula nega ser dono do imóvel. 

No entanto, para que o ex-presidente Lula seja efetivamente preso, é necessário que a segunda instância (Tribunal Regional Federal 4) confirme a sentença de condenação de primeira instância.

No caso de armazenamento e transporte do acervo presidencial, ele foi inocentado pelo juiz Sergio Moro.

 

Num dos artigos da sentença, Sergio Moro afirma também que Lula tenta desqualificar a Justiça e o Ministério Público, que caberia, inclusive, um pedido de prisão preventiva:  "Como defesa na presente ação penal, tem ele, orientado por seus advogados, adotado táticas bastante questionáveis, como de intimidação do ora julgador, com a propositura de queixa-crime improcedente,  e de intimidação de outros agentes da lei, Procurador da República e Delegado, com a propositura de ações de indenização por crimes contra a honra. Até mesmo promoveu ação de indenização contra testemunha e que foi julgada improcedente, além de ação de indenização contra jornalistas que revelaram fatos relevantes sobre o presente caso, também julgada improcedente (tópico II.1 a II.4). Tem ainda proferido declarações públicas no mínimo inadequadas sobre o processo, por exemplo sugerindo que se assumir o poder irá prender os Procuradores da República ou Delegados da Polícia Federal (05 de maio de 2017, "se eles não me prenderem logo quem sabe um dia eu mando prendê-los pelas mentiras que eles contam, conforme http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/se-eles-nao-me-prenderem-logo-quem-sabe-eu-mando-prende-los-diz-lula/). Essas condutas são inapropriadas e revelam tentativa de intimidação da Justiça, dos agentes da lei e até da imprensa para que não cumpram o seu dever.."

 

Clique aqui e leia a íntegra da decisão


Lula ainda é réu em outras duas ações da Lava-Jato, uma delas ligada à Operação Janus, que trata de contrato no BNDES, e outra da Operação Zelotes, que apura venda de medidas provisórias. 

Como cabe recurso, a defesa de Lula já informou que vai recorrer junto Tribunal Regional Federal, em Porto Alegre.

 

Petistas em guerra

 

Como já era esperado também, logo após a divulgação da sentença, parlamentares petistas começaram a ocupar as tribunas do Senado e da Câmara dos Deputados para criticar e desqualificar o juiz Sergio Moro. A presidente do Partido dos Trabalhadores, senadora Gleise Hoffmann (PT-PR), afirmou no Senado que "Lula é inocente e que os movimentos sociais já foram mobilizados para irem às ruas em defesa do ex-presidente petista". Segundo os petistas, a condenação de Lula tem apenas um motivo: "Os governistas e a mídia têm medo que Lula volte ao poder". (Renato Ferreira - Fonte: O Estado de Minas e Agências)

000

About Author

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.