Segunda, 24 Setembro 2018 | Login
TRAGICÔMICO: A tecnologia também faz milagre

TRAGICÔMICO: A tecnologia também faz milagre Featured

 

O presidenciável Ciro Gomes, do PDT, sonhava com uma aliança com o PCdoB para ter como vice em sua chapa a bela Manuela D´Ávila.

Ciro Gomes e Kátia Abreu hoje

Só que, como sempre, o Lula atravessou o caminho do Ciro e proibiu o PCdoB de se aliar ao seu ex-ministro e ex-governador do Ceará.

Aí, sem saída, Ciro Gomes teve que aceitar como vice a senadora Kátia Abreu, também do PDT.

E no primeiro material de campanha, Kátia Abreu já lascou uma foto dela de pelo menos uns 40 anos passado, ou remoçada no poderoso fotoshop. E claro, a tecnologia deu também no Ciro Gomes, não é mesmo?

Agora, porém, nos comícios cheios de faixas da Kátia Abreu novinha, o Ciro terá um grande problema, porque depois de anunciada no palanque, os eleitores do PDT vão bater de frente com a realidade, ou seja, com a Kátia Abreu de hoje. (Renato Ferreira)

TRAGICÔMICO é uma publicação de Notícias & Opiniões de todas as quartas-feiras.

000

About Author

Related items

  • SEM CONTROLE: PDT pede autocontrole a Ciro, mas, ele volta a xingar

     

    Durante evento nesta tarde, em Goiás, Ciro xingou e chamou Jair Bolsonaro de "nazista e filho da p***"

     

    Nesta quinta-feira, 20/09, conforme matéria da Coluna Painel, da Folha de S. Paulo, a cúpula da campanha do PDT se reuniu com o candidato Ciro Gomes para pedir autocontrole ao presidenciável. O objetivo dos dirigentes pedetistas é que Ciro não repita atos de agressões verbais e até físicas contra jornalistas nesta reta final da campanha, uma vez que ele também tem chances de avançar ao segundo turno.

    A reunião teria ocorrido, segundo a matéria, depois que, num evento em Roraima, no último final de semana, o presidenciável xingou e agrediu um jornalista após uma pergunta que o pedetista não gostou.

    De acordo com a publicação do Painel, foi dito a ele que, agora, não dá mais para errar. Em outras palavras, a cúpula da campanha disse: chega de piti. O diagnóstico é o de que há pouco tempo para viabilizar uma terceira via, ou o pedetista será esvaziado.

    Sem êxito

    Mas, parece que a reunião não surtiu efeito. Na tarde desta sexta-feira, 21, na Avenida Universitária, em Goiânia, Ciro Gomes chamou Jair Bolsonaro (PSL), de "nazista filho da p***". O xingamento ocorreu depois que uma camiseta com os dizeres "Papai te ama - 17" foi atirada ao trio elétrico onde o candidato do PDT discursava. A declaração ocorreu depois que uma camiseta com os dizeres “Papai te ama – 17” foi atirada ao trio elétrico onde o candidato discursava. (Fonte: Jornal Opção)

  • ELEIÇÕES 2018 Sem Bolsonaro, TV Aparecida faz debate morno

     

    A facada em Jair Bolsonaro, que o tirou da campanha nas ruas e o jogou na UTI de um hospital, foi um tiro no próprio pé do mandante (ou mandantes) do mais grave atentado político do país.

    E esse crime tem impacto também nos debates após a facada. Na noite desta quinta-feira, 20/09, sem Bolsonaro, a TV Aparecida realizou um debate morno, justamente, porque ali não estava presente o líder das pesquisas e que tem grandes chances de vencer já no primeiro turno.

    Chegou a dar sono assistir por mais de duas horas a um debate entre candidatos, cujo objetivo, agora, é evitar a vitória de Bolsonaro já no dia 7 de outubro.

    Nos estúdios da TV Aparecida, o que se viu foi um debate sem emoção e sem confronto envolvendo um Alckmin atacando a todos (do jeito Alckmin de atacar), já que está perdendo apoio do Centrão; um Ciro Gomes pisando em ovos porque visa ganhar apoios num possível segundo turno; uma Marina Silva perdida com status de candidata nanica; um Álvaro Dias ciente de que não vai longe; Boulos como sempre um apêndice do PT;  e um Haddad na difícil missão de ter que falar mais do presidiário Lula do que de si próprio. 

    E foi justamente entre Haddad e Álvaro Dias um dos momentos que esquentou um pouco o debate. Ao ser perguntado sobre seu programa para a família, Álvaro Dias fez, antes, uma introdução: "Haddad, você está aqui como representante do seu chefe, que se encontra preso por corrupção, que é o pior exemplo para as famílias". (Renato Ferreira)

  • TRAGICÔMICO! A quem o Haddad pensa enganar com mais essa mentira?

     

    Durante entrevista nesta segunda-feira, 17/09, Fernando Haddad - a marionete do Lula - ficou nervoso ao ser indagado se concederá indulto ao Lula, caso seja eleito Presidente da República. "Não. Não terá indulto presidencial", respondeu.

    Mas, a quem o Haddad, que aparece na foto ao lado de Lula na mansão de Maluf, pensa que vai enganar com mais essa mentira petista que o Lula mandou ele falar? Se até, os também lulistas, Ciro Gomes (PDT), e Boulos (PSOL) já afirmaram que darão o indulto, logo o Haddad, que aceitou até ser vice provisório do Lula, não daria?

    Com certeza, não são aos petistas/lulistas que o Haddad tenta enganar, até porque esses também concordam com mais essa mentira oriunda da cela do Lula.

    Então, cabe a você eleitor de Álvaro Dias (Podemos), de Alckmin (PSDB), de Amoedo (Partido Novo) e a todos os brasileiros, que ainda não têm candidato, não acreditarem em mais essa enganação petista.

    Pois, votar em Haddad é concordar com o indulto presidencial e o fim da pena de um brasileiro já condenado a mais de 12 em apenas um dos processos pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

    Não caiam nessa!

    TRAGICÔMICO é uma publicação de Notícias & Opinião todas às quartas-feiras,

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.