Segunda, 21 Maio 2018 | Login
"Não tenho medo de petistas; nem de vigaristas", diz João Doria durante evento em Barueri

"Não tenho medo de petistas; nem de vigaristas", diz João Doria durante evento em Barueri Featured

 

O ex-prefeito de São Paulo, João Doria, pré-candidato ao governo do Estado pelo PSDB, participou na noite desta sexta-feira, 04/05, de um mega evento de sua pré-campanha na cidade de Barueri, que contou com a presença de um grande público na Câmara Municipal da cidade. O prédio do Legislativo ficou pequeno para abrigar cerca de três mil pessoas que lotaram o Plenário e também outras dependências com telões.

Doria em Barueri

Organizado pelo prefeito Rubens Furlan (PSDB), o evento contou com a presença de deputados Federais, Estaduais, vereadores de Barueri e região, prefeitos e lideranças tucanas e também de outros partidos da região Oeste e também do Interior do Estado.

Após a fala de Deputados e Prefeitos, João Doria pegou o microfone e com a sua já conhecida capacidade de oratória dominou a plateia. Falou de suas propostas, caso seja eleito governador, defendendo o apoio à livre iniciativa e o combate à burocracia que, em sua opinião, é uma das características de uma máquina estatal inchada e um o entrave contra o desenvolvimento do Brasil.

Doria em Barueri 3 Bandeira

O pré-candidato tucano ficou pouco tempo falando da tribuna da Câmara de Barueri. Surpreendendo até mesmo os demais membros da Mesa, Doria desceu e foi para o meio da plateia, onde fez várias críticas ao Lula e aos governos petistas. "Vou para o meio de vocês, porque eu falo a verdade. Não tenho medo de petistas e vigaristas. E também não quero mais o Lula, não quero mais o PT. Eu quero o Brasil para os brasileiros", disse Doria, tremulando a Bandeira do Brasil.

Dentre outras autoridades, participaram desse grande evento da pré-campanha de Doria, em Barueri, além do prefeito anfitrião, Rubens Furlan, Elvis Cezar (PSDB), prefeito de Santana de Parnaíba, e presidente do Cioeste (Consórcio Intermunicipal da Região Oeste Metropolitana); Fernando Fernades (Taboão da Serra), Rogério Franco (Cotia); Igor Soares (Podemos), de Itapevi; os deputados Federais Ricardo Tripoli e Bruna Furlan (PSDB), o Deputado Estadual Marcio Camargo (PSDB), o médio e vereador, Elissandro Lindoso (PSDB), presidente da Câmara Municipal de Osasco; e Cládio Piteri (PPS), ex-vice-presidente da Fundação Casa e pré-candidato a deputado Estaduall. (Renato Ferreira)

Apos o evento, João Doria e Rubens Furlan falaram com a imprensa. Notícias & Opinião cobriu o evento.

Veja o vídeo aqui: https://www.facebook.com/orenatoferreira/posts/1708979712525595

000

About Author

Related items

  • LIGA DAS NAÇÕES: Brasil vence o Japão e se recupera no torneio
    Depois da derrota de ontem contra a Alemanha, hoje, a Seleção Brasileira voltou a jogar bem e passou com facilidade pela Seleção Japonesa por 3 a 1
     
     
    Jogando na tarde desta quarta-feira, 16/05, em Barueri, pela segunda rodada da Liga das Nações, a Seleção Brasileira de Vôlei Feminino venceu o Japão por 3 sets a 1, com parciais de 22/25, 25/18, 25/23 e 25/11. Ao contrário de ontem, quando a Seleção não se encontrou em quadra e perdeu de 3 a 1 para a Alemanha, hoje, as meninas brasileiras, comandadas por José Roberto Guimarães, deram um show de vôleibol e venceram as japonesas de virada. Amanhã, o Brasil enfrentará a Sérvia, que venceu o Japão na primeira rodada.
     
    Além dos três pontos conseguidos pelo placar de 3 a 1, a vitória do Brasil nesta quarta-feira serviu também para recuperar a confiança das jogadoras, que ontem saíram de cabeça baixa do Ginásio José Correa. Diante do Japão, mesmo perdendo o primeiro set, as brasileiras não se deram por vencidas diante das orientais que já haviam vencido o Brasil no Gran Prix do ano passado. Jogando bem em todos os fundamentos, a Seleção Brasileira venceu o segundo set por 25 a 19, o terceiro por 25 a 23 e arrasaram as adversárias no quarto set por 25 a 11.
    Liga das Nações Amanda.jpgx
     
    A atacante Tandara, que ontem não foi tanto exigida pela levantadora Roberta, hoje, voltou a ser um dos destaques, principalmente, no ataque do Brasil. Outras jogadoras que também não foram bem contra a Alemanha, diante do Japão mostraram que não desaprenderam de jogar. É o caso da Amanda. Mesmo sendo caçada no saque das japonesas, a campeã da Superliga com o Praia Clube foi muito bem na recepção e também no ataque. Inclusive, foi dela o ponto final da partida.
    Nesta quinta-feira, na última rodada da Liga das Nações, em Barueri, o Brasil terá outro grande teste. As brasileiras jogarão contra a Sérvia, que venceu o Japão na primeira rodada e, nesta tarde joga contra a Alemanha. Depois, as brasileiras participarão de outras três fases no exterior buscando a classificação entre as 16 melhores seleções que vão disputar o título na fase final, que será realizada na China.
     

    Atualizado às 19h20

    Sérvia vence a segunda por 3 a 0

    Jogando contra a Alemanha, a Sérvia venceu a Alemanha por 3 a 0, em sua segunda partida na Liga das Nações. Foi a segunda vitória das sérvias na competição. Na primeira rodada, elas venceram o Japão também por 3 a 0.

  • LIGA DAS NAÇÕES: Brasil perde da Alemanha por 3 a 1 na estreia
    As alemãs surpreenderam as meninas brasileiras e, de virada, venceram por 3 sets a 1 no primeiro jogo da Liga das Nações em Barueri. Nesta quarta, o Brasil enfrenta o Japão a partir das 15h no Poliesportivo José Corrêa
     
     
    Desfalcado de algumas jogadoras consideradas titulares, a Seleção Brasileira de Vôlei Feminino perdeu nesta terça-feira, 15/05, da Alemanha por 3 sets 1 no primeiro jogo da Liga das Nações, que acontece na cidade de Barueri, região Oeste da Grande São Paulo. As parciais foram de 25/15, 22/25, 18/25 e 20/25. Após ganhar o primeiro set, as meninas do Brasil, sob o comando de José Roberto Guimarães, foram surpreendidas por uma Alemanha descontraida que não encontrou dificuldades para vencer os três sets seguintes. No segundo jogo, a Servia venceu o Japão por 3 sets a 0.
     
    Liga das Nações Ginásio J. Corrêa
    O grande número de torcedores compareceu ao belo Ginásio José Corrêa para torcer pela Seleção Brasileira
     
    Nesta quinta-feira, 16, a partir das 15h, a Seleção Brasileira tentará a recuperação diante do Japão. Na outra partida, jogarão as duas equipes vencedores na estreia: Alemanha e Sérvia. Já na quinta-feira, 17, na última rodada da etapa brasileira da Liga das Nações, o Brasil jogará contra a Sérvia, enquanto a Alemanha pegará o Japão.
     
    A surpresa pela derrota brasileira é maior ainda se levarmos em consideração os confrontos entre Brasil e Alemanha no Gran Prix, cujo torneio deu lugar à Liga das Nações em 2018. Como o maior ganhador do Gran Prix, com 12 títulos, as brasileiras nunca haviam perdido das alemãs na competição.
     
    Liga das Nações Furlan na torcida
    Nas arquibancadas, o Brasil contou com a torcida do prefeito de Barueri, Rubens Furlan, (à esquerda)
     
    Mas, mesmo com esse histórico negativo, as alemãs não se intimidaram diante do grande número de torcedores que estiveram no Ginásio Poliesportivo José Corrêa empurrando as brasileiras. Jogando com eficiência no ataque, as visitantes se impuseram e venceram por 3 a 1.
    Liga das Nações Brasil
    O Brasil venceu bem o primeiro set, mas, foi supreendido pela Alemanha ao longo da partida
     
    A Seleção Brasileira pode ter sentido a ausência de atletas importantes para o grupo, como Thaisa, Natália e Gabiru. Hoje, elas não entraram em quadra por problemas físicos. A ponteira Gabi, também se recuperando de contusão, jogou só no primeiro set por recomendação médica. Para o técnico José Roberto Guimarães, a Seleção visa o título da Liga das Nações, mas, segundo o treinador tricampeão olímpico, o mais importante é resguardar as atletas para que todas tenham condições plenas para disputar o Mundial da categoria. (Fotos: Sérgio Barzaghi / Gazeta Press)
  • Marcos Martins e Emidio de Souza promovem ato em defesa de Lula na cidade de Osasco

    Está marcada para o próximo dia 19 de maio - sábado - um ato em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), na cidade de Osasco, região Oeste da Grande São Paulo. A plenária, que acontecerá na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região, em Presidente Altino, a partir das 9h, foi organizada pelo deputado Estadual Marcos Martins e o ex-prefeito Emidio de Souza, pré-candidato a uma cadeira na Assembleia Legislativa de São Paulo.

    O objetivo dos organizadores é discutir a liberdade de Lula, que encontra-se preso pela Lava Jato, em Curitiba, e que ainda é o candidato à Presidência da República, segundo a cúpula petista. A plenária tem também como meta mobilizar a militância para as eleições gerais de outubro deste ano.

    Segundo a nota divulgada, são esperadas nesse encontro em Osasco, diversas lideranças do partido, como o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad; o presidente estadual do PT e pré-candidato ao governo do Estado, Luiz Marinho; o vereador de São Paulo e ex-senador, Eduardo Suplicy; o pré-candidato ao Senado, Jilmar Tatto, e a presidente nacional da legenda, senadora Gleisi Hoffmann.

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.