Domingo, 24 Março 2019 | Login
TRAGICÔMICO! Clima natalino ainda não chegou à Câmara de Osasco

TRAGICÔMICO! Clima natalino ainda não chegou à Câmara de Osasco Featured

 

O clima de Natal que já impera em todo o Brasil, parece que ainda não chegou ao Plenário da Câmara Municipal de Osasco, que anda com a temperatura altíssima.

Na sessão desta terça-feira, 18, o clima subiu ainda mais e por pouco não houve agressão física, entre os vereadores Tinha Di Ferreira, da oposição, e Cláudio da Cândida, situação.

Antes, houve também um entrevero entre dois tucanos: Didi e o presidente da Casa, Dr. Lindoso, mostrando que o ninho tucano de Osasco anda também muito agitado e dividido.

Revoltado com acusações do 'correligionário", o Dr. Lindoso foi à tribuna para refutar as acusações, afirmando que tem procurado fazer uma administração com responsabilidade e respeito aos recursos públicos. Depois, Lindoso disse que não tem funcionário fantasma. Em resposta, Didi se defendeu dizendo que "nunca teve funcionários fantasmas na Prefeitura". Sobre essa questão de funcionário fantasma em Osasco, o melhor é perguntar ao Promotor Público, Dr. Gustavo Albano, que com uma só operação já mandou 14 vereadores osasquenses para a prisão, em 2016, na famosa Operação Caça Fantasmas.

Em seguida, o Tinha Di Ferreira, a voz solitária da oposição, voltou a fazer acusações contra alguns vereadores e, principalmente, contra o prefeito Rogério Lins, a quem acusou de receber "uma mesada de R$ 300 mil", depois de elogiar as administrações de Emidio de Souza (PT) e Jorge Lapas (PDT).

Revoltado, o governista Claudio da Locadora foi ao microfone de apartes para solicitar o encerramento das discussões e o início da Ordem do Dia.

Como Tinha voltou com mesmo entusiasmo de acusador, Claudio da Locadora tentou tirar o microfone de suas mãos, iniciando, assim, uma grande confusão, início de um empurra-empurra e acusações de ambos os lados.

Nesse momento, os vereadores Toniolo e o líder do Prefeito, Ribamar Silva (que deve ser eleito Presidente da Casa nesta quinta-feira), evitaram o pior, fazendo o papel do deixa-disso. Tinha Di Ferreira e Cláudio da Locadora fizeram a gente lembrar daquelas brigas de ruas, onde os briguentos ameaçam partir pra cima do oponente, mas, por dentro parece pedir: "Me segura, se não eu vou".

Ah...e tudo isso sob o tratamento de Vossas Excelências entre os pares.

Posteriormente, talvez, já tomados pelo clima de Natal, houve até pedido de desculpas por parte do Tinha. O problema agora é saber como ficarão as acusações que ele fez usando os microfones do Legislativo. Será que tudo vai terminar em pizza, ou a Câmara de Osasco se transformará em mais um palco de MMA? (Renato Ferreira) (Foto: Linha do tempo da ConecTV)

TRAGICÔMICO é uma publicação de Notícias & Opinião todas às quartas-feiras. Acesse e veja outros casos já publicados!

000

About Author

Related items

  • OSASCO: Vereadores vão a Brasília para agradecer destinação de emendas para a cidade
    O Município receberá R$ 2 milhões para a Infraestrutura e R$ 820 mil para a Saúde.
     
    Uma comitiva de vereadores esteve em Brasília nesta quarta-feira, 20/03, para se reunir com os deputados federais Gilberto Nascimento (PSC) e Antônio Bulhões (PRB). Os dois parlamentares destinaram para Osasco R$ 2,8 milhões em emendas do Orçamento federal de 2019.
    Participaram do encontro o presidente da Câmara Municipal de Osasco, Ribamar Silva (PRP) e os vereadores Daniel Matias (PRP) e Ricardo Silva (PRB). “Foi uma visita de agradecimento. Há muita disputa pelos recursos das emendas, por isso é importante prestigiar os deputados que destinaram sua cota para a nossa cidade”, afirmou Matias após o encontro.
    Desse total, R$ 2 milhões (R$ 1 milhão da cota de cada parlamentar) serão aplicados em ações de manutenção e melhoria da infraestrutura da cidade, como o recapeamento de ruas. Nascimento também destinou R$ 820 mil para o custeio dos serviços de assistência hospitalar e ambulatorial do município.
    “Hoje tivemos a confirmação de que a verba já está em fase final de liberação pelo Governo Federal”, declarou o Presidente da Câmara., Ribamar Silva.
    Economia
    Vereadores de Osasco em Brasília 2
     
    Na Capital Federal os vereadores também tiveram uma reunião com o deputado federal Marcos Pereira (PRB) e dois diretores da Associação Brasileira de Fomento ao Pescado (ABRAPES), David Veiga e Thamires Quinhões. David Veiga é proprietário de uma empresa em Osasco, a Damm Produtos Alimentícios, que comercializa pescados processados e in natura.
    Em sua conta no Instagram, Pereira disse que o encontro serviu para discutir temas relacionados à cadeia produtiva de pesca no Brasil.
    “Todo processo envolve importadores, exportadores, indústria, distribuidores, consumidores e comerciantes. Por isso, fomentar e desenvolver o consumo de pescado fortalece, além do setor, a economia como um todo”, declarou o parlamentar. (Departamento de Comunicação)
     
     
  • TRAGICÔMICO! Clima azeda de vez entre Kajuru e Gilmar Mendes

    O senador goiano chama Gilmar Mendes de bandido e enaltece redes sociais.

     

    Com certeza, os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) não esperavam que a decisão da Corte de que a Justiça Eleitoral passará a julgar também crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, desde que tenham conexão com caixa 2, teriam tanta repercussão negativa nas redes sociais e também por parte do Congresso Nacional.

    Além das críticas na Internet, agora, os ministros estão enfrentando também a fúria de um senador eleito em 2019, justamente, pelo apoio que recebeu de seus eleitores nas redes sociais. Trata-se do jornalista Jorge Kajuru, eleito pelo PSB de Goiás.

    Durante entrevista à Rádio Bandeirantes, no dia 20/03, Kajuru fez duras críticas ao ministro Gilmar Mendes, questionando, por exemplo, o milionário patrimônio do ministro. "Quero saber como o ministro tem R$ 20 milhões de patrimônio”. “De onde você tirou esse patrimônio? De Mega Sena? De herança de quem você tirou, Gilmar Mendes? Foram das sentenças que você vendeu, seu canalha!”, afirmou.

    Na mesma entrevista, Kajuru afirmou também que a CPI da Toga tem que investigar por que Mendes liberta tantos políticos acusados de corrupção e presos. Ele afirma que o ministro Gilmar Mendes tem sociedade com Beto Richa (PR), Aécio Neves (MG) e Marconi Perillo (GO). “Nós vamos pegar, apurar, investigar todas as empresas que eles são sócios, que eles têm negociação, por que ele protegeu Aécio Neves, por que que ele protege o Marconi Perillo. Por que que ele protege tantos outros políticos?”.

    Segundo Kajuru, Gilmar Mendes será o primeiro alvo da CPI da Toga. “Depois vamos nos Lewandowskis da vida”, conclui o senador de Goiás, que aposta na força das redes sociais para aprovar a CPI da Toga no Senado. "As TVs e os grandes jornais não vão noticiar isso, mas, hoje, nós temos as redes sociais para divulgar a corrupção do Legislativo, do Executivo e do Judiciário", enfatiza Kajuru.

    Diante dos fatos, Gilmar Mendes pediu que o presidente do STF, Dias Toffoli, tome providências contra o senador Kajuru. (Renato Ferreira)

    Veja o vídeo aqui: https://www.facebook.com/noticiaseopiniao/posts/2132984510118107?__xts_

    TRAGICÔMICO é uma publicação de Notícias & Opinião todas às quartas-feiras. Para ver outros casos já publicados, acesse o Portal - www.noticiaseopiniao.com.br - e busque por tragicômico.

  • OSASCO: Vereadores aprovam projeto que proíbe inauguração de obras inacabadas
    Proposta foi aprovada em segunda discussão e agora depende da sanção do Prefeito para virar lei.
     
    A Câmara Municipal de Osasco aprovou na terça-feira (12) o Projeto de Lei (PL) 398/2017, que proíbe a inauguração de obras públicas sem condições de funcionamento. A proposta é de autoria do Presidente da Câmara, o vereador Ribamar Silva (PRP).
    Ribamar diz que, embora não seja uma prática da atual administração municipal, a inauguração de equipamentos públicos sem condições de uso ainda é comum no país, seja por falta de materiais, equipamentos ou funcionários. A medida seria, portanto, uma garantia para que essas situações não voltem a ocorrer no futuro.
    "Quantas vezes a população já foi enganada com construções eleitoreiras, seguidas do abandono após o pleito eleitoral? Sabemos que isso gera muita expectativa e, consequentemente, muita frustração. O povo não pode ser mais enganado", afirma o parlamentar.
    O texto aprovado pelos vereadores inclui todos os equipamentos públicos construídos, reformados ou ampliados com recursos municipais. Toda instalação inaugurada deve estar com sua estrutura física completamente finalizada, atender as exigências legais e apresentar condições mínimas de funcionamento.
    O projeto, que recebeu 12 votos a favor e nenhum contrário, foi aprovado em segunda votação e agora segue para o Prefeito, que pode vetá-lo ou sancioná-lo. Só após a sanção do chefe do Executivo o texto se torna lei. (Comunicação/PMO)

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.