Segunda, 11 Dezembro 2017 | Login
Obrigado, Waldir Peres!

Obrigado, Waldir Peres! Featured

 

O futebol do Brasil está de luto. Neste domingo (23/07), o mundo esportivo do Brasil, sobretudo, o futebol, levou um choque com a morte repentina do ex-goleiro Waldir Peres, Segundo uma irmã do ex-jogador do São Paulo e da Seleção Brasileira, ele estava em uma festa na cidade de Mogi Mirim, quando sofreu um infarto fulminante. Waldir Peres chegou ainda a ser levado a um hospital da região, mas não resisitiu. Ele tinha 66 anos e deixa dois filhos e uma filha.

Waldir Peres foi um grande astro do São Paulo, onde jogo durante 11 anos, de 1973 a 1984, e também da Seleção. Ele disputou três Copas do Mundo, duas como reserva - 1974 e 1978 - e foi titular da inesquecível Seleção de 1982, treinada por Telê Santana. O ex-goleiro tricolor foi convocado por Telê para alguns amistosos em 1981 e garantiu a vaga de titular após boas atuações. Contra a Alemanha, ele defendeu um pênalti de Paul Breitner, que jamais havia perdido uma cobrança, o que garantiu a vitória brasileira. 

O início da carreira de Peres foi na Ponte Preta em 1970, mas ele fez história mesmo Tricolor do Morumbi. Jogou também no América do Rio Janeiro, em 1984. Depois, retornou à Ponte, onde encerrou a carreira de atleta em 1989. Atualmente, era treinador de futebol e comentarista esportivo. 

São Paulo e Seleção

Pelo Tricolor, Waldir Peres foi campeão brasileiro em 1977, em uma decisão histórica disputada com ao Atlético Mineiro, apartida que ficou conhecida como a "Batalha do Mineirão". O estádio estava lotado e os torcedores do Galo, de Reinaldo e cia. tinham certeza que seriam bicampeões. O jogo terminou em 0 a 0 e o título foi decidido nas cobranças de pênaltis. O ex-goleiro não defendeu nenhuma cobrança, mas, com a sua experiência, catimbou os jovens jogadores atleticanos, que erraram três pênaltis chutando para fora.

Em 1982, Waldir Peres fez história na Copa da Espanha, fazendo parte de uma das melhores equipes do Brasil que, infelizmente, acabou sendo desclassificada pela Itália. Waldir Peres foi o segundo jogador da Seleção de 1982 a morrer. O primeiro foi o Sócrates, falecido em 2011.

O corpo do Waldir sairá de Mogi Mirim nesta segunda-feira (24). O velório será a partir de terça e o enterro será na quarta-feira (25), no Cemitério Gethsêmani, no Morumbi.

Notícias & Opinião, ao lado da torcida tricolor e do Brasil, agradece ao inesquecível Waldir Peres!

000

About Author

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.