Terça, 19 Novembro 2019 | Login
POLÍTICA/ESPORTE: Copa Ribamar tem final emocionante em Osasco

POLÍTICA/ESPORTE: Copa Ribamar tem final emocionante em Osasco Featured

O grande evento de futebol amador da cidade, que leva o nome do Presidente da Câmara Municipal, reuniu 24 times osasquenses.
 
A final da segunda edição da Copa Ribamar, que aconteceu no último domingo, 22/09, foi mais uma grande festa esportiva na cidade. O evento reuniu os times “Das Antigas” e “Cingabol” no campo do Santa Cruz. Centenas de torcedores e curiosos ocuparam os espaços disponíveis para assistir ao jogo.
Copa Ribamar capa participantes
Nas lajes das casas próximas ao campo, no Jardim D’abril, crianças, adolescentes, adultos e idosos fizeram de tudo para assistirem, emocionados, à grande final. “Além de incentivar o esporte e o lazer, a Copa Ribamar foi uma grande festa da família osasquense”, comentou Claudinei Cândido, que colaborou com a organização do evento.
Copa Ribamar Ribamar
O idealizador do Campeonato, Presidente da Câmara de Osasco, Ribamar Silva, acompanhou emocionado o jogo da decisão. “Foi muito além do que esperávamos. Mais de 260 atletas amadores participaram da Copa, que começou em abril e termina hoje com excelência. Tenho certeza de que não só os jogadores, mas todos os envolvidos levarão no coração para sempre esse grande momento”, comentou Ribamar.
Com decisão nos pênaltis, o time “Das Antigas” venceu o jogo por 5X3. Como prêmio, foi entregue aos vencedores o valor de 8 mil reais. Já o Cingabol foi premiado com o valor de 4 mil reais, como vice-campeão. O time Área Verde ficou com o 3º lugar.
Copa Ribamar Ribamar e Lins
O prefeito Rogério Lins, prestigiou o jogo amistoso que antecedeu o jogo final. “Parabenizo o Ribamar pela idealização do evento e por incentivar o esporte e o lazer em Osasco. Um trabalho brilhante, que só foi possível graças à dedicação dele e de sua equipe”, comentou Lins.
Copa Ribamar Bandeira do Brasil
De acordo com Ribamar, a ideia é de que em 2020 a 3ª edição do campeonato reúna ainda mais times. “Pelo sucesso desta edição, não tenho dúvidas de que vamos trabalhar ainda mais para que essa Copa seja ainda maior. Estou extremamente feliz e satisfeito em ver a alegria estampada nos rostos de todos aqui hoje”, finalizou Ribamar.
000

About Author

Related items

  • SAÚDE: Jair Assaf apresenta Moção de Apelo ao Governador Doria por mais recursos para o IAMSPE

     

    Na semana passada, o vereador Jair Assaf apresentou na Câmara Municipal de Osasco uma Moção de Apelo, endereçada ao Governador João Doria, onde ele pede mais recursos do Estado para o IAMSPE (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público do Estado de São Paulo). O vereador apresentou essa Moção em atendimento a uma solicitação feita pela APFCESP (Associação dos Funcionários da Policia Civil do Estado de São Paulo).

    Na Moção de Apelo, Jair Assaf solicita ao Governador que, por intermédio do Secretário de Governo do Estado, Rodrigo Garcia, que também é vice-governador. o Estado disponibilize 2% da arreacação da Folha de Pagamento dos Servidores Públicos do Estado ao IAMSPE, que passa por dificuldades financeiras. Segundo a APFCESP, o Instituto está perdendo clínicas credenciadas por falta de verbas orçamentárias.

    O vereador informa ainda que a situação do IAMSPE é delicada e compromete outros serviços públicos de saúde e, consequentemente, sobrecarrega o atendimento feito pelo SUS (Sistema Único de Saúde). "É importante ressaltar que hoje o Instituto se auto sustenta com 70% de recurso que vêm de contribuição do funcionário, sendo complementado com emendas parlamentares de verbas orçamentárias, porém, há necessidade da contrapartida do Governo do Estado", afirma o vereador.

    Em sua justificativa, Jair Assaf enfatiza aindaque a entidade de classe, AFPCESP, com universo de 12 mil associados em todo o estado, luta não somente pelo funcionário da Polícia Civil, mas, também por todos os funcionários do Estado, em especial aos das secretados de Educação, Sistema Penitenciário, Policiais Militares, Científicos e Civis para que o IAMSP tenha em sua rede credenciada também atendimento psicológico.

    A Moção de Apelo foi aprovada em discussão única na sessão ordinária de terça-feira, 12 de outubro. Agora, o documento será encaminhado ao Governador João Doria. (Renato Ferreira)

  • CRUZEIRO/ATLÉTICO: Saudades dos tempos de glória desses gigantes do futebol

    Hoje, eles jogam pra não cair e fora de campo, suas torcidas não torcem mais. Só brigam!

     

    Por Renato Ferreira -

    No último jogo entre Cruzeiro e Atlético Mineiro, no domingo, 10/11, esses dois grandes clubes de futebol do Brasil e do mundo fizeram (ou deveriam ter feito) mais um clássico pelo Campeonato Brasileiro. Porém, futebol foi o que menos se viu no Mineirão, palco de grandes espetáculos desses dois times que orgulham Minas Gerais. O tradicional e belo estádio de Belo Horizonte deve ter chorado de vergonha pelo triste espetáculo protagonizado pelas duas equipes e, principalmente, pelas suas torcidas.

    Cruzeiro e Atlético torcidas

    Mal colocados na tabela de classificação e mais preocupados em fugir da zona de rebaixamento do que alcançar o G4, Cruzeiro e Atlético não saíram do 0 a 0, placar muito diferente de outros tempos de glórias do clássico, marcado sempre por muitos e belos gols.

    E se não bastasse o baixo nível do utebol atual em campo, fora dele, como vem acontecendo mundo afora, as torcidas cruzeirenses e atleticanas parecem também que hoje não se interessam mais por em torcer nas arquibancadas.

    Após o empate sem gols, que pode significar o famoso 'abraço de afogados", torcedores dos dois times tentaram fazer a diferença no braço e transformaram o novo e belo Mineirão numa verdadeira praça de guerra.

    Mineirão

    Mineirão foi mais uma vez depredado por vândalos em briga de torcidades de Atlético e Cruzeiro

    Os vândalos, conhecidos também como "torcedores organizados" partiram pra briga, quebrando cadeiras e outros equipamentos do estádio, que deveria ser cuidado, justamente, por eles mesmos.

    E o pior é que não ficou apenas no dantesco espetáculo de luta em lugar errado. Alguns torcedores, segundo as notícias, do Atlético, resolveram baixar ainda mais o nível, cuspindo em seguranças, chamando-os de "macacos", praticando o crime inafiançável de racismo. Com certeza, apesar de chorar, agora, e pedir desculpas, vão pagar pelo crime.

    Certamente, esses torcedores do Galo,esquecem que pela sua equipe, como também pela do Cruzeiro, e do futebol em geral. a história é feita de jogadores altos, baixos, brancos e, principalmente, por negros. Esquecem, talvez, que o maior jogador de todos os tempos - Pelé - é negro. E nascido, justamente, em Três Corações, nas Minas Gerais.

    Tostão e Dirceu Lopes

    Tostão e Dirceu Lopes, ex-craques do Cruzeiro

    E, assim, eu, como mineiro, morando em São Paulo há quase 50 anos, tenho saudades dos tempos em que Cruzeiro e Atlético sempre brigavam pelo topo da tabela de classificação e desfilavam craques, como Tostão e Dirceu Lopes, pelo Cruzeiro; e Reinaldo e Dadá Maravilha, pelo Atlético; para citar apenas quatro craques dentre tantos outros, que fazem parte da história desses dois times, que são orgulho de Belo Horizonte e de todos os mineiros.

    Reinaldo e Dadá Maravilha

    Reinaldo e Dadá Maravilha, ex-craques do Atlético

    Esperamos que esse pesadelo termine em 2019 e que, a partir de 2020, Cruzeiro e Atlético voltem a brigar por títulos em Minas, no Brasil e no mundo. E também que suas torcidas se organizem de verdade, mas, para apenas torcer e se divertir com o futebol. (Renato Ferreira)

  • SUPERLIGA FEMININA: São Paulo/Barueri e Osasco/Audax vencem fácil na estreia
    Outras favoritas, como Praia Clube, Sesc-RJ e Minas também venceram na primeira rodada da Superliga.
     
    A primeira rodada da Superliga Feminina de Vôlei 2019/20 foi realizada nesta terça-feira, 12/11, com todos os times da competição em quadra. E as duas equipes da região Oeste da Grande São Paulo - São Paulo/Barueri e Osasco/Audax - estrearam com o pé direito na competição.
    São Paulo 3 X 0 Fluminense
    São Paulo Barueri
    No primeiro jogo da noite, o São Paulo/Barueri, atual campeão Paulista, comprovou a boa fase do time e venceu o Fluminense pelo placar de 3 sets a 0, com parciais de 27/25, 25/ 20, 25/18, no Ginásio José Correa. Na semana passada, o Tricolor conquistou o seu primeiro título paulista ao vencer as duas partidas finais contra o Osasco/Audax.
    Com excelentes atuações do trio de atacantes formado por Lorenne, Tainara e Maira, a jovem equipe de Barueri, sob o comando de José Roberto Guimarães, só encontrou mais dificuldades para virar o placar no primeiro set. Porém, após ganhar a parcial, as meninas de Barueri controlaram a partida até o final do terceiro set.
    O próximo compromisso do time de Barueri será contra o maior rival do Flu, o Flamengo. O jogo acontece nesta sexta-feira, 15, às 20h (horário de Brasília), no Rio de Janeiro.
    Osasco 3 X 0 São Caetano
    Osasco Audax
    Outro time da Grande São Paulo, o Osasco/Audax, também não encontrou dificuldades na estreia da Superliga. Jogando no Ginásio José Liberatti, as osasqueses venceram o São Caetano por 3 a 0, com parciais de 25/17; 25/19 e 25/17.
    O destaque da partida foi a experiente ponteiraJaqueline, eleita pela comissão técnica a melhor do jogo. Jaqueline voltou a jogar pela Superliga após ficar de fora da competição na temporada passada.
    Neste sábado, 16, às 19h, o Osasco encara o Pinheiros, com transmissão da TV Cultura.
    Outros resultados
    Valinhos 0 X 3 Praia Clube
    A primeira rodada da Superliga registrou também vitórias para outrs três equipes favoritas ao título. O Praia Clube, de Uberlândia,atual vice-campeão, não teve muito trabalho para bater o Valinhos, no interior de São Paulo. O resultado final foi de 3 a 0 com parciais de 16/ 25; 21/25 e 15/25. O destaque do time mineiro foi a ponteira Pri Daroit, maior pontuadora do confronto com 17 pontos.
    Curitiba 0 X 3 Sesc-RJ
    Outro favorito da competição que venceu na primeira rodada sem perder sets foi o Sesc-RJ, sob o comando de Bernadinho. Sem poder contar com Tandara, com uma lesão no abdômen, o time carioca começou bem a Superliga e venceu o Vôlei Curitiba, fora de casa. A vitória foi de 3 a 0, com parciais de 25/27; 16/25 e 19/25.
    Flamengo 0 X 3 Minas
    Por sua vez, o atual campeão da Superliga Feminina, o Camponesa Minas foi até o Rio de Janeiro onde venceu o Flamengo na estreia da competição. Com o placar de 3 sets a 0, a equipe mineira contou com o retorno da oposta Sheilla, que atuou em boa parte do jogo. O placar final foi de 3 a 0 com parciais de 22/25; 21/25 e 30/32.
    Pinheiros 3 X 2 Sesi/Bauru
    E fechando a primeira rodada, o Pinheiros venceu o forte Sesi/Bauru, em casa. Os dois times protagonizaram uma grande partida e, no final, deu Pinheiros por 3 a 2, com parciais de 25/22; 26/24; 23/25; 17/25 e 15/10. (Fonte: G1)

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.