Segunda, 09 Dezembro 2019 | Login
FUTEBOL: Athletico-PR é campeão da Copa do Brasil e Corinthians perde pela Sul-Americana

FUTEBOL: Athletico-PR é campeão da Copa do Brasil e Corinthians perde pela Sul-Americana Featured

 
Nesta quarta-feira, o futebol marcou de formas distintas duas grandes torcidas do Brasil. Enquanto a torcida do Furação festejou o primeiro título da Copa do Brasil, os corintianos saíram decepcionados da Arena Itaquera.
COPA DO BRASL
O Athletico-PR é campeão
 
Atlético PR Campeão da Copa do Brasil 2
 
O Furacão venceu o Internacional no segundo jogo da decisão do torneio nacional por 2 a 1, em pleno Beira-Rio, nesta quarta-feira, 18/09. Os paranaenses já haviam vencido o primeiro jogo em casa por 1 a 0 e, com a vitória de ontem, conquistaram a taça inédita para o clube.
Este é o segundo título nacional do Furacão, que venceu o Campeonato Brasileiro de 2001. Na Copa do Brasil, o Athletico-PR só havia chegado uma vez à decisão. Foi em 2013, quando perdeu para o Flamengo. O título do Furacão é também o primeiro conquistado por um clube do Paraná na Copa do Brasil.
No jogo movimentado desta quarta-feira, os visitantes abriram o placar com Léo Cittadini aos 23 minutos em grande passe do atacante argentino Marco Rubén. O Colorado não demorou para empatar, com gol de Nico López, após um perde-ganha dentro da área.
O empate, no entanto, na era suficiente para a equipe da casa, que diante de 50.355 torcedores, ainda levou o segundo, de Rony, já nos acréscimos da segunda etapa, após numa jogada sensacional de Marcelo Cirino.
Com a defesa do Inter totalmente descontrolada, Cirino, segurou a bola na ponta esquerda, dando um drible desconcertante em dois marcadores. Após passar pelo terceiro marcador, o atacante rubro-negro rolou para Rony livre na pequena área, que só teve o trabalho de balançar as redes e marcar o gol da vitória.
COPA SUL-AMERICANA
Corinthians perde em casa e se complica
Corinthians perde do Del Valle
Com certeza, o mais pessimista dos corintianos esperaria uma derrota do seu time, jogando em casa pela primeira partida das semifinais da Copa Sul-Americana. Mas, aconteceu. O time de Fábio Carille jogou muito mal e perdeu para o Independiente Del Valle, do Equador, por 2 a 0, na Arena de Itaquera, nesta quarta-feira, 18/09. Os dois gols foram marcados pelo atacante Gabriel Torres. Com o resultado, o Corinthians terá que vencer por 3 a 0, em Quito, para se classificar direto. Se vencer por 2 a 0, a decisão será nos pênaltis. Já para os equatorianos, a classificação para a final virá até mesmo com derrota de 1 a 0. Além do placar adverso, o Corinthians vai enfrentar também a altitude de Quito. Foi também a primeira derrota do Corinthians para uma equipe do Equador jogando no Brasil.
000

About Author

Related items

  • ANO DO FLAMENGO: Time já é campeão estadual, nacional, da Libertadores e ainda pode ser campeão mundial
    O ano de 2019 entra definitivamente para a história do Flamengo e, com certeza, a maior torcida do Brasil jamais vai esquecer essa temporada do rubro-negro carioca. Um dia depois da virada histórica deste sábado, em Lima, quando conquistou o bicampeonato da Libertadores, neste domingo, o Flamengo foi campeão brasileiro mesmo sem entrar em campo.
    Para evitar, ou no mínimo, adiar a festa carioca, o Palmeiras teria que vencer o Grêmio no Allianz Parque. Mas, o Verdão acabou perdendo por 2 a 1 e não poderá mais alcançar o time carioca, que já tem 81 pontos. Este foi o sétimo título nacional do Flamengo, treinado pelo português Jorge de Jesus.
     Flamengo festa no rio
    E se não bastasse a tríplice coroa - Estadual, Nacional e Libertadores - o Flamengo poderá conquistar também o seu quarto título em 2019. E não será um título qualquer. Como campeão da América, o rubro-negro vai disputar o título mundial de Clubes, sendo que no dia 17 de dezembro deverá enfrentar o Liverpool, campeão europeu.
    Assim, a torcida flamenguista, que recebeu os campeões da Libertadores, neste domingo, numa grande festa na Cidade Maravilhosa, deve continuar festejando, agora, mais um título do Brasileirão. É o carnaval de 2019 antecipado pelos flamenguistas em todo o Brasil. Parabéns, Flamengo! (Renato Ferreira)
  • VÔLEI FEMININO: São Paulo/Barueri ganha em Osasco e é campeão paulista
    A jovem equipe do técnico José Roberto Guimarães supera o experiente Osasco/Audax em pleno José Liberatti.
    Jogando nesta sexta-feira, 08/11, pela partia decisiva do Campeonato Paulista de Vôlei Feminino, o São Paulo/Barueri ganhou novamente do Osasco-Audax e conquistou pela primeira vez o título da competição. Após vencer o primeiro jogo por 3 a 0 em casa, desta vez a vitória do Tricolor foi de virada por 3 a 2 e com parciais de 22/25, 20/25, 26/24, 25/22 e 15/11.
    As meninas de Osasco começaram a partida dispostas a vencer as adversárias no tempo normal, para depois vencer o Golden Set e assim conquistar mais um título paulista, E após ganhar os dois primeiros sets, a torcida osasquense que lotou o Liberatti, acreditava que isso poderia acontecer. Só esqueceram de combinar isso com o jovem, porém, valente time de Barueri.
    São Paulo Barueri é campeão 2
    Com uma média de idade de 21 anos contra 27 do time adversário, a equipe de José Roberto Guimarães não se intimidou e virou o jogo, vencendo os terceiro, quarto e quinto sets, calando a torcida do Osasco/Audax, que já havia vencido 14 vezes o estadual de vôlei. Agora, os dois times levarão mais uma vez essa rivalidade regional para a Superliga 2019/20.
    São Paulo Barueri é campeão 4
    No jogo final, o destaque foi novamente a jovem ponteira Lorenne, ex-Osasco. "Fico feliz pela escolha que fiz, por estar em um time tão jovem, mas fomos a todo vapor. Agradeço a essas meninas, é um sentimento muito bom de satisfação por essa virada", disse Lorenne ao SporTV, chorando bastante de emoção. Ela relembrou que ficou dois anos no Osasco, mas teve poucas chances para jogar naquele período.
    O jogo
    São Paulo Barueri é campeão 3
    No primeiro set, o duelo começou equilibrado com as duas equipes se alternando na frente do marcador. Até que o Osasco/Audax, sob o comando de Luizomar de Moura, abriu dois pontos de vantagem no momento que Jaqueline cresceu na partida. A experiente ponteira fez pontos importantes e levou a equipe à vitória na parcial por 25 a 22, graças ao ponto decisivo da cubana Casanova.
    No set seguinte, o Barueri não se encontrou, errou muitos ataques (ou ficou no bloqueio) e deixou as donas da casa tranquilas para aumentar a diferença. Com um ace de Jaqueline, o Osasco fez 13 a 6. Depois, aumentou para 17 a 7, abrindo dez pontos de diferença. O time do técnico José Roberto Guimarães até reagiu, diminuiu a vantagem, mas o Osasco fechou em 25 a 20.
    Já no terceiro set, começou a reação do time de Barueri com Juma no saque e abriu uma vantagem inicial de 13 a 6. Aos poucos, no entanto, o Osasco foi equilibrando, empatou em 16 a 16 e no ponto da sérvia Bjelica virou para 20 a 19. Mas o tricolor manteve a calma e conseguiu fechar a parcial em 26 a 24, diminuindo a vantagem das adversárias.
    Embalado com a vitória no terceiro, o Barueri começou o quarto set muito bem e não deu chances ao adversário. No saque da Maira fez 10 a 6, abrindo uma pequena distância para o adversário. A diferença foi mantida durante alguns saques para ambos os lados até Bjelica diminuir para 21 a 19. Porém, o Barueri se manteve tranquilo e fechou em 25 a 22, levando o duelo para o tie break.
    No quinto e decisivo set, as osasquenses começaram bem, mas, o jogo foi equilibrado. O São Paulo/ Barueri iniciou um pouco melhor, mas o Osasco equilibrou e o confronto ficou parelho. Só que com bons bloqueios e erros das rivais, o Tricolor abriu 12 a 9 para delírio de sua torcida no ginásio. Com ótima atuação, coube a Lorenne fechar a partida em 15 a 11 e garantir o primeiro título estadual da equipe de José Roberto Guimarães. (Fonte: Terra).
  • BRASIL E O MUNDO: Bolsonaro viaja para o Leste da Ásia e Oriente Médio
    Enquanto aqui no Brasil, uma oposição inconsequente faz de tudo para derrubar o governo, pensando apenas no poder, Presidente visitará cinco países com foco em pauta comercial.
     
    Neste sábado, 19/10, o presidente Jair Bolsonaro iniciou mais uma viagem internacional. Desta vez, a viagem será de dez dias e busca de reforçar laços comerciais com parceiros do Leste da Ásia e do Oriente Médio. O presidente brasileiro terá compromissos no Japão, na China, nos Emirados Árabes Unidos, no Catar e na Arábia Saudita. Segundo integrantes do governo, o presidente quer sinalizar para o mundo que o Brasil está comprometido com a abertura econômica, com o ambiente de negócios e com o programa de reformas.
    AGENDA E NOTÁVEIS
    Bolsonaro deixou a Base Aérea de Brasília às 22h de ontem. Depois de escalas em Lisboa (Portugal) e Nursultan (Cazaquistão), ele chegou a Tóquio, por volta das 13h de domingo, 20, horário local. No Japão, a programação do presidente brasileiro inclui o evento de entronização do imperador Naruhito, na terça-feira, dia 22..
    Na quarta-feira, 23, Bolsonaro participará de um banquete oferecido a todos os presidentes pelo primeiro-ministro japonês Shinzo Abe. No mesmo dia, haverá uma reunião de Bolsonaro com os membros do grupo de notáveis, formado pelos dirigentes das principais empresas do Japão (Mitsui, Toyota, Honda, Mitsubishi, dentre outras).
    CHINA
    Na quinta-feira, 24, a delegação brasileira segue para Pequim. Na China, Bolsonaro cumprirá programa de encontro com autoridades do país asiático, em 24 e 25 de outubro. Na visita à China, o presidente dará prosseguimento a uma extensa agenda de visitas mútuas de autoridades dos dois países.
    Juntos, Japão e China têm um estoque de US$ 100 bilhões em investimentos no Brasil. A Ásia lidera as exportações e importações brasileiras. Só nos primeiros nove meses de 2019, 40% das exportações brasileiras foram destinadas à região, ao mesmo tempo em que 33% das importações brasileiras vieram da Ásia.
    COM ÁRABES
    Em seguida, no sábado, 26, Bolsonaro segue para Abu Dhabi, dando início à metade árabe da viagem. Depois da visita aos Emirados Árabes Unidos, o presidente segue para Doha. Ele passa a manhã e a tarde do dia 28 na capital do Catar e, em seguida, embarca para Riad, na Arábia Saudita, onde fica até o dia 30.
    Na passagem pelo mundo árabe, a pauta brasileira também tem um viés comercial, de acordo com o Itamaraty. Nesse sentido, o destaque fica para o aumento das exportações da agropecuária brasileira, a atração de investimentos para os projetos de concessão e privatização de ativos do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), além do interesse árabe na indústria de defesa do Brasil. (Com informações da Agência Brasil)

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.