Sábado, 21 Setembro 2019 | Login
PAULISTÃO 2019: Corinthians vence o Santos nos pênaltis e enfrenta o São Paulo na decisão

PAULISTÃO 2019: Corinthians vence o Santos nos pênaltis e enfrenta o São Paulo na decisão Featured

 
Na noite desta segunda-feira, 08/04, o Corinthians venceu o Santos nas penalidades, no Pacaembu, e vai enfrentar o São Paulo na decisão do Campeonato Paulista de 2019. O Tricolor passou pelo Palmeiras nas semifinais.
Santos vence Cortinthians mas perde nos pênaltis
Nos 90 minutos normais, o Santos foi bastante superior ao Timão e venceu por 1 a 0. E como havia perdido o jogo de ida por 2 a 1, na Arena Corinthians, a decisão foi para os pênaltis, quando o Timão venceu por 7 a 6.
O gol do Santos foi marcado pelo zagueiro Gustavo Henrique, que fez os quase 40 mil torcedores explodirem de alegria no Paulo Machado de Carvalho. Mas, poucos minutos depois, os santistas ficaram frustrados quando viram o experiente Victor Ferraz chutar o sétimo pênalti na trave.
Com a vitória nas penalidades, o Corinthians vai para a sua terceira decisão consecutiva do Paulistão. O jogo de ida será no Morumbi, no dia 14, às 16h. E a partida decisiva será também às 16h, no dia 21, na Arena Corinthians. Caso haja empate nas nos dois jogos, a decisão do Paulista será nos pênaltis. (Renato Ferreira)

000

About Author

Related items

  • FUTEBOL: Athletico-PR é campeão da Copa do Brasil e Corinthians perde pela Sul-Americana
     
    Nesta quarta-feira, o futebol marcou de formas distintas duas grandes torcidas do Brasil. Enquanto a torcida do Furação festejou o primeiro título da Copa do Brasil, os corintianos saíram decepcionados da Arena Itaquera.
    COPA DO BRASL
    O Athletico-PR é campeão
     
    Atlético PR Campeão da Copa do Brasil 2
     
    O Furacão venceu o Internacional no segundo jogo da decisão do torneio nacional por 2 a 1, em pleno Beira-Rio, nesta quarta-feira, 18/09. Os paranaenses já haviam vencido o primeiro jogo em casa por 1 a 0 e, com a vitória de ontem, conquistaram a taça inédita para o clube.
    Este é o segundo título nacional do Furacão, que venceu o Campeonato Brasileiro de 2001. Na Copa do Brasil, o Athletico-PR só havia chegado uma vez à decisão. Foi em 2013, quando perdeu para o Flamengo. O título do Furacão é também o primeiro conquistado por um clube do Paraná na Copa do Brasil.
    No jogo movimentado desta quarta-feira, os visitantes abriram o placar com Léo Cittadini aos 23 minutos em grande passe do atacante argentino Marco Rubén. O Colorado não demorou para empatar, com gol de Nico López, após um perde-ganha dentro da área.
    O empate, no entanto, na era suficiente para a equipe da casa, que diante de 50.355 torcedores, ainda levou o segundo, de Rony, já nos acréscimos da segunda etapa, após numa jogada sensacional de Marcelo Cirino.
    Com a defesa do Inter totalmente descontrolada, Cirino, segurou a bola na ponta esquerda, dando um drible desconcertante em dois marcadores. Após passar pelo terceiro marcador, o atacante rubro-negro rolou para Rony livre na pequena área, que só teve o trabalho de balançar as redes e marcar o gol da vitória.
    COPA SUL-AMERICANA
    Corinthians perde em casa e se complica
    Corinthians perde do Del Valle
    Com certeza, o mais pessimista dos corintianos esperaria uma derrota do seu time, jogando em casa pela primeira partida das semifinais da Copa Sul-Americana. Mas, aconteceu. O time de Fábio Carille jogou muito mal e perdeu para o Independiente Del Valle, do Equador, por 2 a 0, na Arena de Itaquera, nesta quarta-feira, 18/09. Os dois gols foram marcados pelo atacante Gabriel Torres. Com o resultado, o Corinthians terá que vencer por 3 a 0, em Quito, para se classificar direto. Se vencer por 2 a 0, a decisão será nos pênaltis. Já para os equatorianos, a classificação para a final virá até mesmo com derrota de 1 a 0. Além do placar adverso, o Corinthians vai enfrentar também a altitude de Quito. Foi também a primeira derrota do Corinthians para uma equipe do Equador jogando no Brasil.
  • MÚSICA DE LUTO: Cantor Roberto Leal morre aos 67 anos
    Brasil e Portugal perdem a alegria de Roberto Leal, que agora ficará só na saudade.
     
    O cantor português Roberto Leal morreu na madrugada deste domingo, 15/09,, em São Paulo, aos 67 anos. A informação foi confirmada pelo Hospital Samaritano, onde o cantor luso/brasileiro estava internado.
    De acordo com a assessoria do cantor, Roberto Leal faleceu às 3h37 vítima de um melanoma maligno (câncer de pele) que evoluiu, atingindo o fígado, causando síndrome de insuficiência hepato-renal. Leal estava internado no hospital desde terça-feira (10).
    O velório será aberto ao público e acontecerá na segunda-feira, 16, na Casa Portugal, das 7h às 14h. O enterro será às 15h, no Cemitério de Congonhas, na Zona Sul da capital paulista, informou a assessoria do cantor.
    Biografia
    Roberto Leal nasceu em 1951 na aldeia de Vale da Porca, no norte de Portugal. Aos 11 anos veio para o Brasil acompanhado pelos nove irmãos e pelos pais. O cantor ficou famoso no Brasil pela música "Arrebita”, que estreou nos palcos em 1971, na Discoteca do Chacrinha, da TV Globo. Em sua carreira, vendeu mais de 25 milhões de discos.
    Sem dúvida, uma das marcas de Roberto Leal, era a sua alegria de estar no palco cantando e falando das coisas do Brasil e de Portugal e, claro, do seu amor pelos dois países. E essa alegria ficará marcada para sempre nos corações de todos que gostam e apreciam a boa música. (Renato Ferreira com informações da Agência Brasil).
  • CORRUPÇÃO: Lava-Jato em São Paulo denuncia Lula, seu irmão, Frei Chico e executivos da Odebrecht
    Empresa teria pago mesada a Frei Chico entre 2003 e 2015 para garantir boa relação com o governo federal
     
    Nesta segunda-feira, 09/09, a Lava Jato em São Paulo denunciou mais uma vez o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), por corrução. Foram denunciados também o irmão de Lula, Frei Chico, e executivos da empreiteira Odebrecht. Segundo o advogado do petista, Cristiano Zanin Martins, "a denúncia de hoje contra Lula repete as mesmas e descabidas acusações já apresentadas em outras ações penais".
     
    Segundo a Polícia Federal, o ex-presidente Lula e seu irmão, Frei Chico, foram denunciados por corrupção passiva continuada. Já os donos da Odebrecht, Emilio e Marcelo Odebrecht, e o ex-diretor da empresa Alexandrino de Salles Ramos Alencar foram denunciados por corrupção ativa continuada. Segundo o Ministério Público Federal, "entre 2003 e 2015, Frei Chico, sindicalista com carreira no setor do petróleo, recebeu R$ 1.131.333,12, por meio de pagamento de 'mesada' que variou de R$ 3 mil a R$ 5 mil e que era parte de um 'pacote' de vantagens indevidas oferecidas a Lula, em troca de benefícios diversos obtidos pela Odebrecht junto ao governo federal".
     
    Ainda segundo o MPF em São Paulo, Frei Chico, que, assim como Lula, atuava como sindicalista na década de 90, assumiu o cargo de consultor da empresa com a intenção de facilitar a relação da Odebrecht com os sindicatos.  A indicação teria sido feita por Lula quando ele ainda não ocupava o posto de presidente. A partir de 2002, com a eleição do petista, Frei Chico teria sido desligado da empresa, mas passou a receber a mesada de forma oculta, via departamento de propina que a empresa criou. “Os pagamentos começaram em janeiro de 2003, no valor de R$ 3 mil; em junho de 2007, passaram a ser entregues R$ 15 mil a cada três meses (R$ 5 mil/mês), entregas que cessaram somente em meados de 2015, com a prisão de Alexandrino pela Lava-Jato”, informou o MPF.
     
    De acordo com a denúncia, os pagamentos a Frei Chico eram feitos em razão do cargo de Presidente da República, então ocupado por Lula e, assim como outras vantagens por ele recebidas, visavam à obtenção, pela empresa, de benefícios com o governo federal. Ainda de acordo com a denúncia, nos depoimentos, Frei Chico alegou que durante o período os valores que foram pagos eram referentes a serviços de consultoria, porém, segundo o MPF, ele não apresentou documentos que comprovassem os trabalhos. Se condenados, a pena para os crimes pode variar de 2 anos a 20 anos de prisão, considerando a modalidade continuada. No entendimento da força-tarefa, por ter ocorrido por tantos anos os crimes podem ser imputados com o agravante.
    Incentivador de Lula
    Na nota em que informou a denúncia, o MPF fez uma espécie de perfil de Frei Chico e como a relação dele com a empresa começou. “Sindicalista militante, Frei Chico - que teria sido quem levou Lula ao sindicalismo - iniciou uma relação com a Odebrecht ainda nos anos 90. No início daquela década, estava em curso o Programa Nacional de Desestatização, que sofreu forte resistência dos trabalhadores do setor. Ao todo, 27 químicas e petroquímicas estatais federais foram vendidas”, afirma a Procuradoria. A Procuradoria afirma que “como a Odebrecht participava do setor e vinha tendo problemas com sindicatos, o então presidente da companhia, Emilio Odebrecht, buscou uma aproximação com Lula, e este sugeriu, então, que contratasse Frei Chico como consultor para intermediar um diálogo entre a Odebrecht e os trabalhadores”.
    Defesa
    O advogado Cristiano Zanin Martins, que defende o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou nesta segunda-feira, 9, em nota, que "a denúncia oferecida hoje em São Paulo pelos procuradores da Lava Jato contra Lula repete as mesmas e descabidas acusações já apresentadas em outras ações penais". (Fonte: Estado de Minas)

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.