Segunda, 24 Fevereiro 2020 | Login
SUPERLIGA FEMININA: Minas e Praia já estão nas semifinais

SUPERLIGA FEMININA: Minas e Praia já estão nas semifinais Featured

 
 
 
 
 
 
 
 
 
Jogando nesta quinta-feira, 21/03, pela segunda rodada dos playoffs das quartas de final, as equipes do Minas Tênis Clube e do Praia Clube venceram, respectivamente, o Vôlei Curitiba e o Fluminense, e se classificaram para as semifinais da Superliga Feminina 2018/19, sem a necessidade de uma terceira partida.
 
Minas 3 X 1 Curitiba
Minas e Curitiba
 
O Minas confirmou o favoritismo e avançou às seminfinais da Superliga Feminina. A equipe de Belo Horizonte voltou a vencer o Vôlei Curitiba, dessa vez por 3 sets a 1, jogando na Arena MTC.  As parciais foram de 25/14, 25/20, 20/25 e 25/11.

Na  primeira partida,  sexta-feira passada, na capital paranaense, o MInas - líder na fase de classificação - não encontrou dificuldades contra o Curitiba  e venceu por 3 a 0.  Já em BH, o time paranaens, que estreia na Superliga Feminina e que ficou em oitavo lugar, chegou a dar mais trabalho e o terceiro set por 25 a 20. Mas, isso não bastou para assustar as mineiras que venceram o quarto set por um massacrante 25 a 11, repetindo a superiodidade do primeiro set. 

O adversário do Minas Tênis Clube na semifinal sairá do duelo entre Barueri e Osasco. No primeiro confronto entre os times paulistas, o Barueri saiu em vantagem ao vencer por 3 sets a 2, em casa.  Nesta sexta-feira, às 19h, em Osasco, acontece a segunda partida. Em caso de novo triunfo, o time comandado pelo técnico José Roberto Guimarães avançará sem a necessidade de um terceiro e decisivo jogo. 
 
Praia 3 X 0 Fluminense
 
Praia e Flu
Também nesta quinta-feira, 21, o Praia Clube, que ficou em segundo lugar na fase de classificação, eliminou o Fluminense com mais uma vitória, dessa vez no Ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro. O placar de 3 sets a 0,  demonstra que o time de Uberlândia classificou-se de forma tranquila para as semifinais.  As parciais  foram de 25/15, 25/15 e 25/21.  
No primeiro jogo, na Arena Uberlândia, o Praia Clube derrotou as cariocas por 3 a 0. Assim como ocorreu em casa, o atual campeão da Superliga Feminina não encotrou muita resistência por parte do tricolor.  Fernanda Garay e a oposto norte-americana Nicole Fawcett, foram os destaques da excelente equipe do Praia Clube.  Fawcett foi eleita a melhora jogadora em quadra e ficou com o troféu Viva Vôlei. 
O Praia terá como adversário nas semifinais o vencedor da série entre o Sesi-SP e Sesc-RJ.  Na primeira partida, em Bauru, o time paulista surpreendeu e derrou a equipe de Bernardinho por 3 sets 1. Agora, o time carioca terá vencer para provocar a terceira e decisiva partida dos playoffs.
 
Mais um clássico paulista
Osasco e Barueri
A segunda rodada das quartas de final será encerrada nesta sexta-feira, 22/03. No Ginásio José Liberatti, em Osasco, aconcerá mais um clássico paulista entre as equipes do Osasco Audax e Hinode Barueri. No jogo de ida, em Barueri, as meninas comandadas por José Roberto Guimarães levaram a melhor e venceram as osasquenses num disputadíssimo jogo por 3 sets a 2. E nesta noite não será diferente. O Osasco, de Luizomar de Moura, terá que vencer para provocar o terceiro jogo, que se for necessário, será realizado novamente em Barueri.
 
Cariocas e paulistas
Sesi e Sesc
 
Já no Ginásio do Tijuca, às 21h30, vai aconecer a segunda partida entre o Sesc-Rio e o Sesi-SP. No primeiro jogo, em Bauru, o time de Bernardinho foi supreendido pela boa equipe do Sesi, que venceu o duelo por 3 sets a 1. Agora, para se classificara, a equipe carioca terá que vencer o segundo. Caso isso aconteça, a terceira e decisiva partida será realizada também no Rio de Janeiro. (Renato Ferreira)
000

About Author

Related items

  • COPINHA 2020: Dois paulistas e dois gaúchos disputam as semifinais
    E a surpresa desta fase é o Oeste de Barueri que passou pelo atual campeão São Paulo. Os outros três semifinalistas são Corinthians, Internacional e Grêmio.
    Já estão definidos os dois confrontos das semifinais da Copa São Paulo de Futebol Júnior. As duas partidas serão disputadas na Arena Barueri, na região metropolitana da capital paulista.
    Na terça-feira, 21, o Internacional enfrenta o Corinthians, às 19h15. O Colorado eliminou o Botafogo-SP, enquanto o Timão, maior campeão do torneio, passou pelo Athletico-PR.
    Por questões de segurança, os organizadores definiram que haverá cobrança de ingressos para a partida.
    No outro duelo das semifinais, o Grêmio encara o Oeste, quarta-feira, às 17h30. O Tricolor gaúcho bateu o Vasco nos pênaltis. Já o Rubro-Negro de Barueri superou o atual campeão São Paulo.
    A decisão do maior torneio de futebol de base do país será dia 25 de janeiro, no aniversário de São Paulo, que completará 466 anos. O jogo será às 10h, no Pacaembu.As partidas terão transmissão do SporTV. (Com informações do Globo Esporte)
  • COPINHA 2020: Definidos os confrontos das quartas de final
    São Paulo, Corinthians, Oeste, Athletico-PR, Internacional, Grêmio, Vasco e Botafogo-SP disputam as quatro vagas das semifinais.
     
    Dos 127 times que começaram a disputa da 51ª Copa São Paulo de Futebol Júnior, no dia 2 de janeiro, restam apenas oito classificados que vão disputar as quartas de final do maior torneio de futebol de base do Brasil. As partidas das quartas serão disputadas nesta sexta-feira, 17, e sábado, 18/01.
    Na noite desta quinta-feira, a Federação Paulista divulgou a tabela com todos os confrontos das quartas de final. E vão disputar esta fase, os seguintes times: São Paulo, atual campeão e que vai atrás do seu quinto título, Corinthians, o maior campeão do torneio com dez conquistas, Oeste de Barueri, Athletico-PR, Internacional, Grêmio, Vasco e Botafogo-SP.
    Os duelos são esses: Botafogo-SP e Internacional; e Corinthians e Athletico-PR, nesta sexta-feira; enquanto Grêmio e Vasco da Gama; e São Paulo e Oeste, jogam no sábado. (Renato Ferreira)
    Confira horários e locais dos jogos:
    Sexta-feira, 17 - 19h15 – Araraquara – Botafogo-SP x Internacional Sexta-feira, 17 - 21h30 – Franca – Corinthians x Athletico-PR Sábado, 18 - 17h – Mogi das Cruzes – Vasco da Gama x Grêmio Sábado, 18,- 21h30 – Barueri – Oeste x São Paulo
  • SUPERLIGA MASCULINA: Taubaté bate Sesi e fatura seu primeiro título na competição

     

    Depois da longa hegemonia imposta pelo Cruzeiro, ganhador das cinco edições anteriores, o Taubaté se tornou, no final da noite de sábado, 11/05, o mais novo campeão da Superliga Masculina de Vôlei. A conquista veio com uma vitória sobre o Sesi-SP por 3 sets a 1, com parciais de 25/20, 25/22, 21/25 e 25/20, na Arena Suzano. Uma imensa torcida do Sesi invadiu Suzano, mas, o título foi da minoria de Taubaté que fez a festa nas arquibancadas depois de longos 4 sets.

    Com este triunfo de sábado, o Taubaté fechou em 3 a 2 a série melhor de cinco partidas desta decisão da temporada 2018/2019 da Superliga e faturou pela primeira vez este torneio. O primeiro jogo da final ocorreu no dia 23 de abril, em São Paulo, onde o Sesi ganhou por 3 sets a 0 para abrir vantagem. No dia 27, porém, o Taubaté deu o troco ao devolver o 3 a 0, em casa, e deixar tudo igual na série.
    Em seguida, no dia 30, o Taubaté ganhou por 3 sets a 2, em Suzano, e ficou a um triunfo do título. O Sesi ainda se manteve vivo na luta pela taça ganhar o quarto duelo da final por 3 a 1, novamente em Suzano, onde a equipe dirigida por Renan acabou faturando a Superliga na noite deste sábado.

    Dirigido pelo técnico Renan Dal Zotto, comandante da Seleção Brasileira e que assumiu o cargo com a competição em andamento, o Taubaté finalmente pôde comemorar o troféu mais cobiçado do vôlei nacional depois de ter sido vice-campeão em 2017 e terminado na terceira posição do torneio em 2015 e 2016.

    O último time paulista a ter conquistado o principal torneio do Brasil na modalidade havia sido, por sua vez, o Sesi, na temporada 2010/2011. Depois disso, o Cruzeiro faturou a taça em 2012 e o RJX, do Rio, ergueu o troféu em 2013, antes de os cruzeirenses iniciarem uma série de cinco conquistas consecutivas até 2018. Neste período, o Sesi foi vice-campeão em 2014, 2015 e no ano passado.

    Autor do ponto que definiu o título no terceiro set em um forte ataque na diagonal, o ponteiro Lucarelli comemorou o feito do Taubaté após exibir uma atuação decisiva em Suzano. "Estou meio perdido até agora... Esse projeto merece, esse time merece, foi uma temporada complicada, demos a volta por cima. Nem nos melhores sonhos a gente imaginava que a gente poderia ser campeão", afirmou o jogador, em entrevista ao SporTV, ainda dentro da quadra. (Estado de Minas)

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.