Quinta, 21 Março 2019 | Login
Praia Cube vence Osasco e é campeão da Supercopa

Praia Cube vence Osasco e é campeão da Supercopa Featured

De virada, time de Uberlândia venceu as osasquenses por 3 sets a 1, sábado, em Fortaleza
 
A taça da Supercopa Brasileira de Voleibol Feminino tem novas donas. Na noite deste sábado 10/11, a equipe do Praia Clube bateu o Osasco, de virada, por 3 a 1. É o primeiro título da equipe na temporada 2018/2019, e assim acaba a hegemonia do Rio de Janeiro, de Bernardinho - até então único campeão do torneio (2015-2017). A partida aconteceu no Centro de Formação Olímpica, em Fortaleza, e contou com a torcida de 4.248 torcedores.
A equipe mineira perdeu a primeira parcial por 29 a 27, mas se recuperou e venceu os outros três sets por 25 a 17, 25 a 22 e 25 a 23. O bloqueio foi um fundamento em destaque pelo lado do Praia Clube, com 16 pontos marcados.
Em 2018, a Supercopa de vôlei consagrou apenas campeões inéditos. No último mês de outubro, o Sesi, de São Paulo, bateu o "super campeão" Cruzeiro, por 3 sets a 0, em confronto realizado na casa dos mineiros. De 2015 a 2017, apenas o Cruzeiro havia levantado a taça. Em 2016 e 2017, Fortaleza também foi o palco da decisão masculina.
O jogo
O primeiro set ilustrou bem o que seria a partida. Ambos os times começaram bastante focados e parecendo ter estudado bastante o adversário. O primeiro desafio da partida foi pedido logo no quarto ponto disputado, quando o Praia solicitou um toque no bloqueio paulista durante um contra-ataque.
O Osasco chegou a abrir 23 a 19 no fim do primeiro set, mas o Praia conseguiu diminuir a vantagem e empatar o jogo. Os times ficaram revezando pontos, até que o time paulista conseguiu fechar a primeira parcial em 29 a 27.
No segundo set, o Praia Clube não baixou a cabeça com o revés anterior, e entrou com tudo na segunda parcial. Ao passo que evoluía o jogo das mineiras, o Osasco baixou a agressividade, especialmente no ataque — a oposta paulista Lorenne não pontuou durante todo o set. O Praia Clube aproveitou todas as oportunidades que teve, e jogou com vantagem praticamente todo o set. A equipe mineira fechou a segunda parcial em 25 a 17.
No terceiro set, o Praia mais uma vez começa bem a parcial e abre 4 a 0, com boa atuação da oposta americana Nicole Fawcett que faz três, dos quatro, pontos. O Osasco diminui a vantagem e o set fica equilibrado mas o Praia abre 16 a 13 e chega na frente na segunda parada técnica.
Para tentar mudar a situação, o técnico Luizomar de Moura coloca a bicampeã olímpica Paula Pequeno no lugar de Angela Leyva, mas o Osasco para no bloqueio mineiro, especialmente com a central Carol. A equipe praiana vira o jogo, fechando a terceira parcial em 25 a 22, em um bloqueio da ponteira Ellen.
No quarto set, o técnico Luizomar põe em quadra uma equipe modificada, com Paula Pequeno e a oposta americana Hooker de titulares. A campeã olímpica inicia bem o quarto set pontuando no bloqueio, ataque e saque logo no começo da parcial e o Osasco chega a abrir 13 a 9.
No entanto, o Praia Clube se recupera e vira o set em 22 a 21, com um bloqueio, parando um contra-ataque da americana Hooker. O time mineiro chega ao match point com um saque da Fernanda Garay. E finaliza a partida com um contra-ataque da ponteira Michelle Pavão, em 25 a 23.
Superliga 2018/2019
 Praia Clube e Osasco Audax
 
Osasco e Praia Clube são dois clubes que entram como alguns dos favoritos na próxima Superliga Feminina. A equipe mineira estreia no próximo dia 13 contra o Pinheiros. Do lado de Osasco, a estreia é contra a equipe São Cristóvão/São Caetano. Ambos jogam fora de casa. (G1)
000

About Author

Related items

  • SUPERLIGA FEMININA: Minas e Praia confirmam favoritismo e vencem na estreia dos playoffs
     
    Na abertura dos playoffs, nesta segunda-feira, 18/03, os dois times mineiros - Minas e Praia Clube - que terminaram em primeiro e segundo lugares, respectivamente, na fase de classificação, confirmaram o favoritismo e venceram o primeiro duelo das quartas de final.  As minatenistas venceram o Vôlei Curitiba por 3 sets a 0, na Capital paranaense, mesmo placar da vitória do Praia Clube sobre o Fluminense, em Uberlândia.
     
    Minas X Curitiba
    Minas x Curitiba
     
    Líder na fase de classificação, quando perdeu apenas dois jogos, o Minas confirmou o favoritismo ao vencer o Curtiba - oitavo colocado - na abertura dos playoffs das quartas de final da Superliga Feminina. O time de Belo Horizonte ganhou por 3 sets a 0 , parciais de 25/18, 32/30 e 25/19, na noite desta segunda-feira, no Ginásio de Esporte da Universidade Positivo, na capital paranaense, e saiu na frente na série melhor de três partidas do confronto.
    O Minas se classificará às semifinais, caso vença também segundo duelo, marcado para esta quinta-feira, às 19h, na Arena Minas Tênis Clube. Se as paranaenses venceram,  o terceiro e último jogo será na segunda-feira, dia 25, às 19h, novamente no ginásio do Minas.
     
    Praia X Fluminense
    Praia x Fluminense
     
    Jogando em seu ginásio na cidade de Uberlândia e com a segunda melhor campanha na primeira fase da Superliga Feminina, o Praia Clube não teve dificuldade na abertura dos playoffs das quartas de final. Nesta segunda-feira, em casa, o Praia derrotou o Fluminense - sétimo na classificação geral - por 3 sets a 0. As parciais foram de 25/23, 25/17 e 25/19.
    A segunda partida entre os dois times será nesta nesta quinta-feira, às 21h30, no Ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro. Se vencer novamente o Fluminense, o Praia garantirá a classificação para as semifinais sem a necessidade do terceiro jogo. Já em caso de vitórTricolor, a terceira partida que fechará a série melhor de três está marcado para segunda-feira, dia 25, às 21h30, na Arena em Uberlândia. (Renato Ferreira)
     
    Mais dois jogos
    O complemento da primeira rodada das quartas de final será realizado nesta terça-feira, 19/03. Às 19h, no Ginásio de Esportes José Corrêa, acontecerá o grande clássico paulista entre o Hinode Barueri o Osasco Audax. Já na cidade de Bauru, às 21h30, jogarão o SESI-SP e o SESC-Rio, do Bernardinho.
  • SUPERLIGA FEMININA: Quartas de final começam nesta segunda-feira

    Fase dos playoffs terá mais uma disputa sensacional entre o Osasco Audax e o Hinode Barueri.

    A fase de classificação da Superliga Feminina de Vôlei 2018/19 terminou na sexta-feira, 15/03 e a etapa de playoffs já começa nesta segunda-feira, 18. E nesta primeira fase, os times de Minas Gerais - Minas Tênis Clube e o Praia Clube - deram as cartas. As meninas de Belo Horizonte perderam apenas duas partidas e terminaram em primeiro, enquanto que as mineiras de Uberlândia ficaram em segundo lugar.  Vale destacar  que a partir desta desta fase, as partidas serão disputadas em série melhor de três jogos, no sistema mata-mata.

    Minas Tênis V feminino
    O Minas Tênis Clube perdeu apenas duas partidas e terminou em primeiro lugar na fase de classificação
     O primeiro jogo das quartas-de finais será entre Itambé Minas e Curitiba Vôlei. As duas equipes jogam a partir das 19h, em Curitiba. Melhor classificado na primeira, o time mineiro é o grande favorito para conquistar o título desta temporda. Enquanto isso, a equipe paranaese aparece como sensação da Superliga. O time de Curitiba conseguiu a vaga nos playoffs, na primeira vez que disputa o torneio principal do vôlei brasileiro.
    Praia Clube
    As meninas do Praia Clube, de Uberlândia, ficaram em segundo lugar na primeira fase
    A segunda partida das quartas de final, será entre o Dentil Praia Clube, que recebe em Uberlândia o time do Fluminense, às 21h30. O atual campeão da Superliga Feminina fez também uma excelente campanha. Enquanto o Fluminense, depois um bom início de no campeonato caiu na tabela e terminou a primeira fase na sétima posição.

    Osasco X Barueri

    Osasco e Barueri

    Hinode Barueri (4º colocado), enfrentará o Osasco Audax (5º) em mais um sensacional confronto paulista nos playoffs

    Na terça-feira, 19, acontecerão mais dois jogos da primeira rodada dos playoffs. Em Barueri, o Hinode (4º colocado) enfrenta o Osasco-Audax (5º), às 19h, em mais um confronto no clássico paulista. O confronto é a reedição das quartas de finais da Copa Brasil, quando a equipe de Camila Brait e companhia levou a melhor. A partida também marca o encontro das duas melhores atacantes da Superliga. De um lado a polonesa Skowronka, do Hinode, e do outro a norte-americana Hooker, do Osasco Audax.

    E no encerramento dos jogos da primeira rodada, o Sesi Vôlei Bauru (6º) recebe no interior de São Paulo o Sesc-RJ (3º). A partida será mais uma reedição das quartas da Copa Brasil. Na ocasião,  quem levou a  melhor foi o time paulista. Agora, paulistas e cariocas prometem uma partida equilibrada. O confronto está marcado para às 21h30.

    Segunda rodada

    A segunda rodada das quartas de final será disputada entre os dias 21 e 22 de março e a terceira, se for necessária, em caso de empate nos dois primeiros jogos, será disputadas nos dias 25 e 26 de março.
    Confira a tabela completa:
    Primeira rodada
    18.03 – Curitiba Vôlei (PR) x Minas (MG), às 19h, no ginásio da Univ. Positivo, em Curitiba (PR)
    18.03 – Praia Clube (MG) x Fluminense (RJ), às 21h30, no Praia Clube, em Uberlândia (MG)
    19.03 – Barueri (SP) x Osasco (SP), às 19h, no José Correa, em Barueri (SP)
    19.03 – Bauru (SP) x Sesc/RJ, às 21h30, no Panela de Pressão, em Bauru (SP)
    Segunda rodada
    21.03 – Minas (MG) x Curitiba Vôlei (PR), às 19h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG)
    21.03 – Fluminense (RJ) x Praia Clube (MG), às 21h30, no ginásio do Hebraica, no Rio de Janeiro (RJ)
    22.03 – Osasco (SP) x Barueri (SP), às 19h, no José Liberatti, em Osasco (SP)
    22.03 – Sesc/RJ x Bauru, às 21h30, no Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ)
    Terceira rodada (SE NECESSÁRIO)
    25.03 – Minas (MG) x Curitiba Vôlei (PR), às 19h, na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG)
    25.03 – Praia Clube (MG) x Fluminense (RJ), às 21h30, no ginásio do Praia, em Uberlândia (MG)
    26.03 – Barueri (SP) x Osasco (SP), às 19h, no José Correa, em Barueri (SP)
    26.03 – Sesc/RJ x Bauru (SP), às 21h30, no Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ)
  • COPINHA 2019: São Paulo vence o Vasco e é o grande campeão

    É o quarto título do clube na competição de base mais tradicional do país.

    O Tricolor do Morumbi é o campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2019. O jogo foi realizado nesta sexta-feira, 25, no Pacaembu, dia do aniversário de 465 anos da cidade de São Paulo.

    São Paulo campeão da Copinha 2

    O Tricolor abriu o placar e chegou a fazer 2 a 0, placar que permaneceu até aos 29 minutos do segundo tempo. Só que o Vasco reagiu e empatou a partida levando a decisão para as penalidades, quando os paulistas levaram a melhor e venceram por 3 a 1, coroando uma campanha invicta na competição. O goleiro Thiago Couto brilhou com duas defesas.

    Esse quarto título dos Meninos do Morumbi vem coroar o excelente trabalho que o Clube faz com todas as suas categorias de base no CT de Cotia. Neste ano, o Tricolor já conquistou outros títulos nas categorias do sub-20, como a Copa do Brasil e vai disputar a Copa Libertadores, com chances reais de conquistar também o título sul-americano.

    No tempo normal, os gols do Tricolor foram marcados pelo artilheiro da Copinha, Gabriel Novaes, e por Antony. Já para o Vasco marcaram Lucas Santos e Tiago Reis. Na decisão por pênaltis, Ed Carlos, Morato e Turta marcaram, enquanto Marcos Júnior chutou para fora. E o título veio com o chute no travessão de Gabriel Norões, e com as defesas do goleiro Thiago Couto nos chutes de Tiago Reis e Riquelme. (Renato Ferreira)

    Veja, aqui, o vídeo do último pênalti que deu a vitória ao Tricolor: https://www.facebook.com/orenatoferreira/posts/2140830949340467?

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.