Sábado, 22 Setembro 2018 | Login
TRAGÉDIA ANUNCIADA: Prédio desaba durante incêndio no centro de São Paulo

TRAGÉDIA ANUNCIADA: Prédio desaba durante incêndio no centro de São Paulo Featured

Segundo o Corpo de Bombeiros, o prédio já havia passado por vistoria, quando eles relataram as péssimas condições do imóvel e o perigo de desabamento
 
 
Neste 1º de Maio de 2018 - Dia do Trabalho - quando deveria ser um dia apenas de festa no Brasil, apesar do alto de desemprego, na cidade de São Paulo, a data ficará marcada por mais uma tragédia. E, sem dúvida, uma tragédia anunciada. Na madrugada de hoja, um prédio de 26 andares desabou durante um incêndio de grandes proporções no Largo do Paissandu, no centro da cidade. Um edifício vizinho também pegou fogo, mas, segundo informações, não corre risco de cair. Um templo centenário, de uma Igreja Evangélica, teve também grande parte destruída. Mais de 100 homens de várias unidades do Corpo de Bombeiros foram para o local, onde continuam no trabalho de busca do de vítimas nos escombros do prédio.
 
Trata-se de um edifício do governo Federal, onde funcionava até 2010 a sede da Polícia Federal em São Paulo, que foi para a nova sede no Bairro da Lapa, na zona Oeste da Capital. Depois da saída da PF, o imóvel foi praticamente abandonado e passou a ser ocupado por movimentos populares, como os Sem Teto. As informações ainda são desencontradas, mas, segundo consta, no mínimo, 50 famílias residiam no local. Outras pessoas informam que já eram mais de 100 famílias ocupando o prédio. Não há ainda informações sobre vítimas - feridos ou mortes.
prédio desaba em são paulo
 
Conforme o Corpo de Bombeiros informou, o incêndio teria começado por volta de 1h30. O desabamento ocorreu em torno das 3h, em consequência das chamas. As causas do incêndio ainda são desconhecidas, mas as informações iniciais são de que o fogo começou no 5º andar do prédio. Havia muito material de fácil combustão no local, como papelão e madeira. Alguns edifícios próximos foram evacuados e toda área está isolada. As informações da Defesa Civil são de que o prédio que desabou era ocupado por dezenas famílias de pessoas em situação de rua, porém, sem números exatos.
Segundo comerciantes do da região, antes de a construção ruir, algumas pessoas pediam socorro no último andar. Um vídio mostra, quando os Bombeiros tentavam resgatar com cordas um homem nos dos últimos andares. As chamas começaram no quinto andar e foram se alastrando rapidamente para os níveis superiores. Ao todo, 160 militares atuam no combate ao incêndio e no resgate das vítimas.
Alerta
 
De acordo com o Corpo de Bombeiros, o prédio já havia passado por vistoria, na qual foram relatadas as péssimas condições do local às autoridades do município. De acordo com a corporação,os compartimentos entre os andares eram divididos por madeira, o que ajudou a propagar as chamas.
Representantes da Prefeitura e da Defesa Civil Estadual estão no local e realizam cadastramento de todas as famílias que poderiam estar no prédio no momento do incêndio. Um edifício vizinho também foi atingido e as chamas se espalharam por dois andares. Ele foi esvaziado e interditado. (Fonte: Veja)
 
Temer xingado
 
Diversas autoridades já estiveram no local para demonstrar solidariedade. O primeiro foi o Presidente Michel Temer, que acabou sendo xingado e hostilizado por populares. O prefeito Bruno Covas deu entrevista e disse que a Prefeitura ja vinha fazendo um trabalho de regularização das famílias para que as mesmas pudessem ser transferidas desse e de outros imóveis ocupados de forma irregular na Capital paulista. O governador de São Paulo, Márcio França, também passou pelo local e prometeu apoio do governo no atendimento aos desabrigados e regularização das ocupações irregulares.
 
Irresponsabilidade
 
Depois da tragédia anunciada, com certeza, todas as autoridades que deveriam tomar providências antes que elas acontecessem, vão dizer que tomaram providências e vão tentar jogar a responsabilidade para outros órgãos.
 
Mas, a realidade é que existem responsáveis e culpados por mais essa tragédia em São Paulo. Ou será que estaria certo o governo Federal em abandonar um prédio público da União? E a Prefeitura de São Paulo, na pessoa do prefeito de plantão, não seria responsável para evitar as ocupações irregulares. O Corpo de Bombeiros já avisou que alerto e apresentou relatórios sobre as condicões caóticas do prédio. O governo do Estado também tem a sua responsabilidade.
 
E quem ocupa também deveria saber do risco que as famílias de pessoas correm em tais ocupações. E a culpa menor é dessas pessoas simples, que acabam sendo usadas como massa de manobra de seus líderes, como os comandantes do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra), que tem no comando Guilherme Boulos, pré-candidato à Presidência da República pelo PSOL. Se eles têm capacidade de reunir essas famílias pobres para ocupar de forma irregular esses prédios, no mímino, eles deveriam se preocupar com as condições da habitação delas, cobrando das autoridades ou eles mesmo mesmo oferecendo as condições minimas de sobrevivência para essas pessoas. (Renato Ferreira)
 
Atualizado às 19h de hoje
 
Prédio não era ocupado pelo MTST
 
Conforme publicamos erroneamente com base nas primeiras informações, a ocupação ilegal do prédio não era organizada pelo MTST e, sim, pelo Movimento de Luta Social por Moradia (MLSM). De Curitiba, onde está desde a parte da manhã para participar das comemorações do Dia do Trabalho e da lula pela liberdade de Lula, Guilherme Boulos, líder do MTST, disse que mesmo não sendo a ocupação organizada pelo MSTS, o MLSM tem a sua solidariedade. "Ninguém invade uma propriedade porque quer e, sim, por necessidade. De toda forma, o MSLM tem a nossa completa solidariedade em um momento tão grave como esse. Nós exigimos celeridade nas buscas e também respostas de alternativa habitacional para os desabrigados", disse Boulos.
000

About Author

Related items

  • PMB anuncia apoio a Márcio França e oficializa candidaturas em São Paulo

     

    No último domingo, 05/08, último dia para a realização das convenções partidárias, o PMB (Partido da Mulher Brasileira), realizou a sua convenção em São Paulo, ocasião em que anunciou o apoio ao governador Márcio França (PSB), candidato à reeleição. Na convenção, o PMB  também anunciou seu apoio à ex-atleta e campeã olímpica no salto em distância, em Pequim (2008), Maurren Maggi, ao Senado. No evento, foram oficializadas tambémm as candidaturas da legenda para a Câmara dos Deputados e à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. 

    Na abertura do evento, Jaime Angelo Nonato Fusco, presidente da executiva estadual do PMB, pediu fidelidade ao partido. Márcio França não compareceu à convenção. Ele foi representado pela sua esposa e primeira-dama do Estado, Lúcia França. No total, o PMB confirmou 30 candidaturas a deputado Estadual e 15 a Federal.

    E uma das candidatas do partido à Assembleia Legislativa, é a Dra. Regiane Souza Neves, pedagoga, escritora e psicóloga. Representante de Osasco e região Oeste, Regiane esteve presente à convenção, onde falou de suas expectativas como pré-candidata, destacando a importância da participação cada vez mais ativa da mulher na política. "Acredito na política com participação 50/50, ou seja, de igualdade entre homens e mulheres. É possível caminharmos juntos. Já estive como presidente e vice-presidente em outros partidos, hoje estou pré-candidata à deputada estadual e entrei de coração no PMB, pois sei que é o partido que melhor acolhe minhas causas. Que nós possamos ser flechas nas vidas de outras mulheres", afirmou. (Fonte e Foto: Portal A Rede de Notícias)  

  • BRASILEIRÃO: Após a Copa, São Paulo vence Flamengo e Corinthians e já é vice-líder

    No último sábado, o Tricolor derrotou o Coríthians por 3 a 1, no Morumbi. Na rodada anterior, a vitória foi sobre o líder Flamengo, por 1 a 0, no Maracanã

    Antes do recesso para a Copa do Mundo, apesar de duas vitórias consecutivas, de 1 a 0 sobre o Atlético (PR) fora de casa, e de 3 a 0 contra o Vitória, no Morumbi, o São Paulo ainda não despertava a confiança da crítica esportiva, principalmente, daqueles que sempre preferem mais a crítica que o elogio ao Tricolor.

    A maioria das opiniões, antes da Copa, não era sobre a evolução do São Paulo nesta temporada sob o comando de Aguirre e, sim sobre algumas falhas do time e, principalmente, sobre os futuros jogos da equipe na tabela do Brasileirão. Não foram raros os comentários de que o São Paulo teria uma tabela muito difícil após o Mundial, referindo-se aos quatros jogos muito difíceis, sem dúvida, que o Tricolor iria enfrentar, após o Mundial,  contra o Flamengo, no Rio, o Corinthians, em casa, o Grémio, em Porto Alegre, e o Cruzeiro, no Mineirão.

    Resposta em campo

    Sem dúvida, uma fase da tabela difícil para o Tricolor, mas, também não menos difícil para os seus adversários, tendo em vista que, desde a estreia do técnico Diego Aguirre, o time do Morumbi tem apresentado uma evolução contínua ao longo da competição.

    Tanto é assim que, na 13ª rodada, no dia 18/07, os comandados de Aguirre calaram o Maracanã com a vitória de 1 a 0 sobre o líder Flamengo. E no último sábado, 21, no Morumbi, o Tricolor foi muito superior ao Corínthians, vencendo o clássico paulista por 3 a 1, com dois gols do lateral esquerdo Reinaldo (que nessa partida jogou no meio campo) e um do zagueiro Anderson Martins. O gol do Corínthians foi marcado pelo atacante Jonathas.

    Com essas duas vitórias consecutivas após a Copa, o São Paulo chegou aos 29 pontos, um apenas atrás do Flamengo. Na próxima quinta-feira, 26/07, o Tricolor enfrentará o Grêmio, em Porto Alegre, e no domingo, 29, jogará contra o Cruzeiro, no Mineirão, encerrando esses quatros jogos apontados por muitos como a pior sequência da tabela para o São Paulo. Já na 17ª rodada, no dia 05/08, o Tricolor volta a jogar no Morumbi, quando enfrentará o Vasco, retornando, assim, à uma fase, teoricamente, não tão forte dentro do Brasileirão.

    Palmeiras 3 X 2 Atlético Mineiro

    Outro grande clássico da 14ª rodada do Brasilerão aconteceu no domingo, entre Palmeiras e Atlético Mineiro, no Allianz Parque, em São Paulo. E a vitória foi do Verdão por 3 a 2.

    Foi uma partida com muitas alternativas, belos gols e falhas grotescas. Já no final do jogo, depois de 2 a 2 no placar os palmeirenses vibraram muito com o gol salvador de Bruno Henrique, já nos minutos finais da partida.

    Antes, de falta, Bruno Henrique já havia marcado o segundo gol palmeirense, fazendo 2 a 1. O primeiro foi de Moisés, após uma falha incrível do zagueiro Juninho. Os gols do Atlético foram marcados por Luan e pelo colombiano Yimmy Chará. (Renato Ferreira)

    Outros resultados da 14ª rodada:

    Flamengo 2 X 0 Botafogo

    Bahia 4 X 1 Vitória

    Vasco 1 X 0 Grêmio

    Sport 1 X 2 Fluminense

    Paraná 1 X 0 América (MG)

    Cruzeiro 2 X 1 Atlético (PR)

    Chapecoense 0 X 0 Santos

    Internacional e Ceará jogam nesta segunda-feira, às 20, em Porto Alegre.

    •  

      Classificação do Brasileirão 

     

    # TIMEPJVSG
    1 Flamengo FLAMENGO 30 14 9 15
    2 São Paulo SÃO PAULO 29 14 8 10
    3 Cruzeiro CRUZEIRO 24 14 7 4
    4 Atlético-MG ATLÉTICO-MG 23 14 7 4
    5 Palmeiras PALMEIRAS 23 14 6 8
    6 Internacional INTERNACIONAL 23 13 6 7
    7 Grêmio GRÊMIO 23 14 6 7
    8 Corinthians CORINTHIANS 19 14 5 3
    9 Vasco VASCO 19 13 5 0
    10 Sport SPORT 19 14 5 -2
    11 Fluminense FLUMINENSE 18 14 5 -2
    12 Botafogo BOTAFOGO 17 14 4 -2
    13 Bahia BAHIA 16 14 4 -4
    14 Chapecoense CHAPECOENSE 16 14 3 -5
    15 Santos SANTOS 15 13 4 -2
    16 Vitória VITÓRIA 15 14 4 -9
    17 América-MG AMÉRICA-MG 14 14 4 -7
    18 Paraná PARANÁ 13 14 3 -9
    19 Atlético-PR ATLÉTICO-PR 10 14 2 -6
    20 Ceará CEARÁ 8 13 1 -10

     (Fonte: Gazeta Esportiva)

  • Em São Paulo, Podemos confirma apoio a Márcio França, do PSB

    Candidatura do atual governador paulista será oficiliazada no dia 4 de agosto na convenção nacional do PSB 

    Na manhã deste domingo, 22/07, o Podemos de São Paulo realizou a sua convenção estadual para oficializar as candidaturas de deputados Federais, Estaduais e Senador. Na ocasião, o partido, presidido pela deputada Federal, Renata Abreu, definiu também que o Podemos vai apoiar  a pré-candidatura à reeleição do atual Governador Márcio França, do PSB.  A candidatura de França será oficializada na convenção estadual do Partido Socialista Brasileiro marcada para o dia 4 de agosto, quando o partido definirá também o nome do vice. Nos últimos dias, um dos nomes ventilados para ser vice de Márcio França foi o do ex-prefeito de Osasco, Francisco Rossi (PR), que é pré-candidato a deputado Estadual. 

    Com a presença de um grande público, a convenção estadual do Podemos foi realizada na Assembleia Legislativa, Zona Sul de São Paulo. Além de Márcio França, esteve presente também na Alesp, o pré-candidato à Presidência pelo Podemos, o Senador Álvaro Dias (PR). Sua candidatura também será oficializada no dia 4 de agosto na convenção nacional da legenda que será realizada no Paraná.

    Neste domingo, o Podemos lançou ainda Mário Covas Neto como candidato ao Senado por São Paulo. Foram aprovados também 100 nomes de candidatos a deputados Federais e de 141 para deputados Estaduais. Agora, após a convenção, o Podemos vai definir se a chapa proporcional no Estado será pura ou se fará coligações com partidos. 

Quem somos

Notícias & Opinião é um site de notícias gerais editado pela Empresa Jornalística Notícias de Paz Ltda - EPP, a partir da Capital e região Oeste da Grande São Paulo.

Como o próprio nome diz, aqui você vai encontrar notícias, entrevistas, artigos, crônicas e opinião sobre política, economia, educação, cultura e esporte, dentre outros temas do nosso dia-a-dia.